quinta-feira, 26 de junho de 2014

Reino Unido>>Jornal: apresentador de TV abusou sexualmente de 103 cadáveres

Jimmy Savile / Foto: Reuters
O DJ e apresentador de TV britânico Jimmy Savile, falecido em 2011, vai acumulando denúncias após a sua morte.

Além de ser acusado de pedofilia, agora o nome de Savile está sendo associado a necrofilia. De acordo com reportagem do "Daily Mail", a celebridade britânica tinha livre acesso ao necrotério do Leeds General Infirmary e de outros 28 hospitais, incluindo unidades públicas em Broadmoor e Stoke. Neles, de acordo do relatório do NHS, o serviço de saúde pública do Reino Unido, Savile abusou sexualmente de 103 cadáveres, com idade entre 5 e 75 anos. O primeiro caso teria acontecido em 1962, quando Savile tinha 36 anos. O último, em 2009, aos 82 anos. Só em Leeds, o apresentador abusou de 60 corpos.

Em nome do governo britânico, Jeremy Hunt, secretário de Saúde, pediu desculpas nesta quinta-feira (26/6) às famílias das vítimas de Savile.

Segundo o relatório, as atividades macabras de Savile em necrotérios durante décadas não se limitavam às relações sexuais com mortos. Ele também retirou olhos de vidro dos cadáveres para fazer joias.


Umas das maiores celebridades da BBC na década de 1970 e 1980, Savile foi desmascarado após sua morte, em 2011, aos 84 anos, ao ser apontado como um dos piores criminosos sexuais do Reino Unido. Ele teria abusado até de crianças de apenas 2 anos e de internos de um hospital psiquiátrico de alta segurança.

Um relatório apresentado pela Sociedade Nacional para a Proteção das Crianças contra a Crueldade revelou recentemente haver pelo menos 500 denúncias de abusos cometidos por Savile. A maior parte das vítimas tinham entre 13 e 15 anos.


-A morte é o pior lugar para pagar os crimes....Com certeza não está nada facil para ele nesse momento.

http://oglobo.globo.com/blogs/pagenotfound/

http://trivialdiario.blogspot.com.br/2014/05/voce-se-lembracasais-dos-desenhos.html

0 comentários :

Postar um comentário