domingo, 12 de junho de 2016

Você se Lembra?>>Casais dos Desenhos Animados (Parte 13.1)

Saudações a todos! Como é de costume, lançamos nesse dia 12 de Junho (Dia dos Namorados no Brasil) mais um especial dedicado a casais de desenhos animados. E tem sido assim há 4 anos aqui na Trivial Diário! Hoje, vamos lançar a 13ª parte desse especial, com  18 casais, dos mais variados desenhos animados e filmes de animação, das mais variadas épocas, entre 1977 e 2016. Dividiremos esse especial em duas partes, cada uma contendo 9 casais em cada. Conheça os 9 primeiros casais:
A Lady e o Lobo - Humphrey (Romeu) e Kate (Julieta)
A Lady e o Lobo - Garth e Lilly
A Lady e o Lobo - Claudette e Fleet
Bernardo e Bianca - Bernard (Bernardo) e Bianca
Gatos Não Sabem Dançar - Danny e Saywer
Gnomeu e Julieta - Gnomeu e Julieta
Hotel Transilvânia - Jonathan e Mavis
Hotel Transilvânia - Dennis e Winnie
O Cão e a Raposa - Tod (Dodó) e Vixey (Mirian)

Para a composição de fundo das imagens românticas, permanecemos com o consagrado design dos Casais de Desenhos Animados - Parte 12, apenas com uma leve alteração, que é a extinção de comentários abaixo das imagens. Todos os casais contém gifs das melhores cenas (como é de costume). E as imagens estão em sua grande maioria, em qualidade 720p ou 1080p. Então, se divirta, se emocione, se apaixone, e relembre conosco 18 casais de desenhos animados de ontem e de hoje!

E o 1º casal desse especial é:

A Lady e o Lobo - Humphrey (Romeu) e Kate (Julieta)

Humphre(ou Romeu) é um lobo ômega completo: Bem-humorado, leal, e um grande pacificador qualificado, o que é tecnicamente o seu trabalho, já ele é o líder dos Lobos Ômega do bloco ocidental, mantendo a paz e dando o seu melhor para evitar tensões entre Alfas e Ômegas. Ele gosta de fazer piadas, música, sair com os amigos, e as vezes, age até como uma criança, como foi visto no primeiro filme da franquia. Humphrey (Romeu) também é um improvisador habilidoso de grande valentia, como foi visto também no primeiro filme, quando ele pensou rápido para salvar Kate (ou Julieta) de um deslizamento de terra. Claro que nem tudo é perfeito, pois ele tende a ser um pouco irresponsável e até mesmo ciumento. Mesmo assim, ele é um amigo verdadeiro e leal a todos ao seu redor, incluindo sua matilha, seus amigos, e especialmente Kate, o que é provado várias vezes, como quando sua lealdade cancelou sua intenção de fugir de seus problemas e quando ele arriscou sua vida para proteger Kate de uma debandada, provando ao Winston (pai da Kate - ou Julieta) que seu amor por Kate era verdadeiro.

No segundo filme , Humphrey (ou Romeu) é pai, tendo agora filhotes com sua (agora) esposa Kate (ou Julieta). 

No terceiro filme, Humphrey parece ser um pouco mais temperamental do que de costume. Junto com seu "mau humor", ele mostra-se extremamente protetor no final do filme, ao falar com sua filha Claudette para parar de flertar com Fleet.

No quarto filme, vemos um lado totalmente novo de Humphrey (ou Romeu). Ele possui capacidade de luta, quando ele derruba dois lobos alfa com Kate em uma batalha final para proteger Daria, uma loba com problemas de visão.
Essas habilidades se desenvolvem ainda mais no quinto filme, quando é visto que ele ataca os caçadores para salvar sua família, arriscando sua vida. No entanto, ele ainda mantém seu status de Omega pacificador, e jamais perdeu o seu lado divertido.

Humphrey (ou Romeu) é um lobo de tamanho médio. Sua pele tem muitos tons diferentes de cinza. Ele também tem seu ventre nas cores branco-acinzentado, um rosto branco com uma faixa cinza até o nariz e olhos azuis.

Se Humphrey é conhecido por ser bem humorado, Kate (ou Julieta) não é bem assim. Quando jovem (no começo do primeiro filme), era mais animada e brincalhona e tinha uma boa amizade com Humphrey. No entanto, após a sua formação para ser uma loba Alfa, Kate tornou-se confiante e séria, colocando seu dever em primeiro lugar. Quando ela e Humphrey tentam retornar para o Parque Jasper, Kate estava frequentemente tensa e desaminada com as piadas de Humphrey. Mas com o tempo, ela começou a soltar-se, conseguindo até se divertir. Mesmo com o seu jeito sério, Kate é tão pacífica, amorosa e leal, quanto Humphrey. Ela é vista como uma mãe super protetora, a partir do segundo filme (especialmente no quarto filme), quando ela e Humphrey estão agora com filhotes. No terceiro filme, ela ensina lições de vida para a sua filha Claudette, e leva numa boa o fato de que Claudette está apaixonada por Fleet (mais detalhes desses dois, daqui a pouco). A mesma coisa acontece no quinto filme da franquia.

Kate (ou Julieta) é um loba Alfa pertencente ao Bloco Ocidental, que tem a pele marrom dourado, um ventre branco, olhos castanhos, pelugem bem cuidada, um corpo apto para uma fêmea alfa e ela também é vista com uma flor rosa em seu cabelo, apenas em ocasiões especiais. Ela tem uma irmã (Ômega) mais nova, chamada Lilly, e seus pais se chamam Winston e Eve (Eva em português), que anteriormente eram líderes dos Lobos Alfa do Bloco Ocidental, antes de Kate se casar com Humphrey.

Já no começo do primeiro filme, intitulado de Alpha and Ômega (No Brasil: A Lady e o Lobo: O Bicho tá Soltode 2010, vimos que a relação de amizade entre Kate e Humphrey era bastante forte quando eram mais jovens. Humphrey estava descendo o morro com seus melhores amigos em um tronco, enquanto Kate estava brincando de caçar. Nesse tempo os dois se abraçaram no ar, e pintou um clima de romance entre os dois. Os dois se olhavam com grande felicidade.

Pouco tempo depois, já no chão, o pai de Kate (Winston) chega para avisar a ela que está na hora dela partir para a Escola de Alfas, para seu treinamento e aprimoramento, durante todo o inverno. Humphrey fica triste com isso, e mesmo apaixonado por Kate, ele sabe que o amor entre os dois não podia existir, já que era proibido que Alfas e Ômegas ficassem juntos.

Há uma pequena passagem de tempo no filme, e Kate retorna como uma Alfa completamente treinada, com habilidades apuradas de caçar, agarrar e surpreender uma possível presa. Havia uma rivalidade entre os Alfa e a Alcateia do Leste, por causa da área de caça de ambas as alcateias. Para evitar um possível massacre entre eles, foi proposto um casamento entre Kate e Garth, filho de Tony, líder da Alcateia do Leste. Kate e Garth concordam, e marcam um encontro, com uivos ao luar. Kate gosta da aparência de Garth, mas ele é um péssimo uivador, e isso acaba deixando Kate envergonhada, e pede um tempo para Garth, para beber água. Ela se afasta, e reencontra Humphrey.

Os dois se assustam, mas logo se acalmam. Ambos estavam conversando, com Kate tentando mentir para Humphrey que Garth era incrível, entre outros elogios, provavelmente para deixar Humphrey com ciúmes. Enquanto conversavam, os dois foram atingidos com dardos tranquilizantes, e levados para o Parque de Idaho, para povoarem o local.

Enquanto isso, os Alfas e a Alcateia do Leste se reencontram, com Tony (líder da Alcateia do Leste) acusando Kate de ter fugido da responsabilidade de se casar com seu filho. Ele avisa a Wiston que se Kate e Garth não se casarem até a próxima lua cheia, iria declarar guerra contra os Alfas.

Com a ajuda dos simpáticos patos Marcel e Paddy, Kate e Humphrey passam boa parte do do filme, em busca de modos para voltar ao Parque Jasper. Nesse tempo, Humphrey ainda guardava sentimentos por Kate, mas ela ao que parecia, não. Exemplo disso, foi quando ambos estavam pegando uma carona em um carro, e num determinado momento, para não serem descobertos, tiveram que imitar os passos dançantes do casal que estava no carro. Em um determinado momento, Humphrey teve que segurar Kate nos seus braços, para não perder o equilíbrio. Surgiu aí uma boa oportunidade de Humphrey demonstrar afeto pela Kate, mas ela não quis prosseguir com isso.

Em outra parte do filme, enquanto ambos tentavam pegar o trem que passava perto do Parque Jasper, e fugir de ursos bastante zangados, Kate e Humphrey fizeram algo que Humphrey adorava fazer com seus amigos: descer a neve em um tronco, como se fosse um Snowboard.

Quando enfim conseguiram, Kate finalmente estava esbouçando alegria e satisfação por ter feito toda essa aventura. Kate e Humphrey deram muitas risadas dentro do trem. Nesse momento Kate elogiou Humphrey, dizendo que leva muito jeito para crianças (já que anteriormente havia brincado com o filhote dos ursos que os atacaram). Humphrey muito feliz, disse que ele e Kate formavam uma boa dupla.


Ainda naquela mesma noite, Humphrey observava quanto Kate era linda dormindo. Em seguida, ele avistou a lua, e uivou para ela. Ele pergunta a Kate se ela quer se juntar a ele no uivo. Nesse momento, Kate começa a despertar sentimentos até então adormecidos por Humphrey. Ela recomeça a gostar dele, mais do que amigo.

Depois de ouvir o ouvir o uivo de Humphrey, Kate se junta a ele e os dois uivam juntos, em um dueto romântico.

Quando o trem chega perto do Parque Jásper, Humphrey tenta confessar o seu amor para Kate, mas Kate avista os Alfas e a Alcateia do Norte prontos para duelarem entre si. Com isso, Kate salta do trem, e não escuta o "eu te amo" dito por Humphrey...Que pena.
Kate pára a luta e anuncia que vai se casar com Garth, para o bem das alcateias. Ao ouvir isso, Humphrey fica decepcionado com tal decisão. No dia seguinte, Humphrey (com coração partido) decide deixar o Parque Jasper, mas antes, vai se despedir de Kate, e os patos Marcel e Paddy, que os ajudaram bastante a voltarem ao Parque Jasper. Humphrey disse que vai viajar por conta própria. Os dois se despedem, e Marcel e Paddy comentam entre si que não entendem o porque que eles não ficam juntos.

Kate demostra também estar de coração partido, devido a Humphrey deixar o Parque Jasper, e perceber que realmente o ama. A cerimônia de casamento entre Kate e Garth se inicia, e no ponto mais alto, Kate declina e diz que não ama Garth, mas sim um Ômega (se referindo a Humphrey)Garth diz também que não ama Kate, mas sim a irmã mais nova, que é a Lilly (mais detalhes daqui a pouco). Winston (pai de Kate) está confuso e Tony (pai de Garth) diz que esse não era o trato e declara guerra contra os Alfas. Só que o conflito é interrompido por uma debandada de caribus. Winston e Tony estão presos no tumulto. Kate tenta salvá-los e felizmente se reencontra com Humphrey, para a alegria de ambos. Os dois vão ao encontro de Tony e Winston para salvá-los. 

Enquanto ambos conversavam, Kate é atingida por um caribu e fica inconsciente. Humphrey tenta proteger Kate com o seu corpo para que ela não sofra mais danos. Quando a debandada acaba, Humphrey olha para Kate e conclui que a mesma está morta. É nesse instante que Humphrey abraça o corpo aparentemente sem vida de Kate declara que a ama, e que ela não pode morrer.

Ao ver que Kate não havia despertado, Humphrey presume o pior. Profundamente triste, ele começa a uivar de forma triste. Logo todas as duas alcateias (Alfas e do Norte), os pais de Kate e o pai de Garth começam a uivar também, também em demostração de luto.

Porém, segundos depois, para a alegria de todos (principalmente de Humphrey), Kate desperta, pois estava apenas desmaiada. 

Kate e Humphrey enfim, declaram seus verdadeiros sentimentos de amor que sentiam um pelo outro. Winston e Tony concordam em unir as alcateias dos Alfas e Do Norte, através do casamento entre Garth e Lilly (mais detalhes daqui a pouco) e extinguir a lei de proibição de casamentos entre Alfas e Ômegas, permitindo assim que Humphrey e Kate ficassem juntos!

Mais tarde, ao anoitecer, todas as duas alcateias comemoram o final feliz na Pedra do Uivo, com todos os felizes casais (incluindo Garth e Lilly/Kate e Humphrey) uivando para a lua.

Nota: A dublagem brasileira, ao que parece, abandonou os nomes "Romeu e Julieta" e começou a usar os nomes originais (Humphrey e Kate) do segundo filme em diante. O motivo dessa troca é desconhecida.
Humphrey e Kate reaparecem como personagens principais durante o meio/fim do filme  Alpha and Omega 2: A Howl-iday Adventure (No Brasil: A Lady e o Lobo 2: A Aventura de Natal) 2013. Já no começo, conhecemos os três filhotes de Humphrey e Kate: Stinky, Claudette e Runt. Stinky e Runt tem a aparência quase fiel a do pai (só que Runt possui uma coloração mais escura e cílios mais longos), enquanto Claudette tem os traços muitos semelhantes ao da mãe, e da avó, que é Eve.

Agora que possuem a responsabilidade de serem pais de três filhotes que possuem praticamente as suas qualidades, Kate e Humphrey sempre demostraram muito afeto e carinho por seus filhotes, mesmo na hora que era para corrigi-los. 



Nesse segundo filme, um dos filhotes (o Runt) acaba desaparecendo. Kate, Humphrey, Claudette, Stinky e os patos Marcel e Paddy vão em busca de Runt. Quando o encontra, a família está perdida, porém Runt (com sua incrível habilidade de escalar em arvores) avista a estrada. A família teria apenas uma opção de chegar nela: descendo em um tronco, como se fosse um Snowboard, algo que se repetiu no primeiro filme com Kate e Humphrey, lembram?

A família acabou sendo arremessada, pouco depois de atingir o solo. Nesse momento, a câmera lenta focou em uma cena romântica de Kate e Humphrey, segurando firme um ao outro, e bastante contentes com a expressão de carinho entre um e outro, pouco antes de atingirem o solo.

O filme se encerrou com a família reunida perto de uma lareira aquecida, uma arvore de Natal, todos muito satisfeitos dentro de uma cabana, perto de um posto de gasolina, bondosamente cedido por um caçador.

No terceiro filme, intitulado de Alpha and Omega 3: The Great Wolf Games (No Brasil: A Lady e o Lobo 3: A Grande Competição), lançado em 2014, o filme teve foco na Grande Competição de Filhotes Lobos das diferentes alcateias. No fim do filme, vemos um novo casal romântico se formando: Claudette e Fleet (mais detalhes, daqui a pouco). Humphrey, que não estava nada feliz com isso, podia contar mais uma vez com sua esposa Kate, que foi muito carinhosa com ele nesse momento.



No quinto filme de nome Alpha and Omega: Family Vacation (No Brasil: A Lady e o Lobo 5: Ferias em Família), lançado em 2015, um numero maior de cenas românticas entre Kate e Humphrey, em relação ao filme anterior. O foco do filme, foram as férias que Kate, Humphrey e seus filhotes Claudette, Stinky e Runt resolveram tirar férias em família, pela primeira vez. Mais uma vez, a família passou por grandes desventuras, sendo a maior delas, ser perseguido por caçadores. Mais uma vez, os patos Marcel e Paddy estavam lá para ajudá-los. No decorrer da história, a família relembravam situações vistas nos filmes anteriores e que coincidiram a acontecer de forma similar enquanto estavam nessas férias.

Uma dessas coincidências, foi o fato de todos, mais uma vez, se afugentarem dos caçadores em um trem. Nesse instante, com uma bela lua ao fundo, Kate e Humphrey tiveram um breve momento romântico, antes de serem interrompidos.

No dia seguinte, já em terra, a família teve que se esforçar para não serem atingidos por um ataque aéreo. A essa altura, Runt estava com um dos tornozelos torcido, e estava com dificuldades de prosseguir. Após conseguirem despistar o ataque aéreo, Kate e Humphrey trocaram carinhos, aliviados.

Perto do fim do filme, na perseguição final dos caçadores contra Kate e Humphrey, o tornozelo de Hunt estava doendo ainda mais, fazendo com que ele perdesse velocidade. Humphrey, afim de salvar a sua família, falou para Kate para levar os filhotes para um lugar seguro, enquanto ele iria atacar os caçadores.

Kate, os filhotes e o resto dos animais correram através da fronteira (no mesmo lugar onde Kate e Humphrey haviam conhecido Marcel e Paddy no primeiro filme), e para a grande aflição de todos, Humphrey não apareceu. Em seguida, tiros são disparados, e Kate corre de volta para a floresta para salvar Humphrey, enquanto só restavam aos outros esperar e torcer. Hunt, Stinky e Claudette estão muito preocupados com seus pais, e logo são consolados pelos patos Marcel e Paddy.

Mas para alegria e alívio de todos, Kate e Humphrey retornam ilesos. Os outros animais e principalmente os filhotes, vão abraçar os seus pais, muito felizes.




No fim os animais finalmente chegam ao lugar desejado para as suas férias. 


E mais uma vez, podemos avistar Kate e Humphrey, trocando carinhos, aliviados por tudo ter dado certo no fim.

Está confirmado mais três sequências de "A Lady e o Lobo", se tiver mais imagens românticas de Kate (ou Julieta) e Humphrey (ou Romeu), com certeza nós vamos estar adicionando aqui. Vamos agora ao  casal, que também se fez presente em "A Lady e  Lobo: O Bicho Está Solto":


A Lady e o Lobo - Garth e Lilly

Garth  é um lobo pertencente a Alcateia do Leste, no qual o seu pai Tony era líder, até o momento em que a Alcateia do Leste se juntou com a Alcateia do Bloco Ocidental, através do casamento entre Garth e Lilly. Garth, a princípio parecia ser um lobo arrogante, mas essa impressão foi mudada no decorrer do filme. Na verdade, ele é um lobo muito amigável ao contrário de seu pai Tony. Garth é um Alfa muito habilidoso, fisicamente apto para qualquer situação, mas, inicialmente, ela o lobo de pior uivo do filme (tão ruim, que fazia com que os passarinhos caíssem do céu, de tontura). Normalmente isso não seria problema, mas numa sociedade onde Alfas e ômegas são praticamente obrigados a ter a habilidade de uivar, Garth tinha que conseguir resolver esse problema de forma rápida. 

Apesar disso, ele é um bom lobo e gosta de rir, visto que ele sempre se divertia com as imitações de Lilly no primeiro filme da franquia, lançado em 2010. Por sua vez, Lilly foi gentil ao ponto de ser a responsável por dar a confiança necessária a Garth para que o mesmo adquirisse a tão sonhada habilidade de uivo. E foi justamente nesse processo de aprendizado, que Garth e Lilly se apaixonaram um pelo outro. Ainda assim, Garth tem um grande senso de dever e responsabilidade como lobo Alfa, ao ponto de concordar em casar inicialmente com Kate (ou Julieta) para unir as duas alcateias, embora no seu coração, ele fosse apaixonado por Lilly. E foi notória a alegria que Garth sentiu quando Kate desistiu de casar com ele, isso deu coragem a ele o suficiente de confessar a seu pai e na frente das duas alcateias, o seu amor por Lilly.

Garth é um esbelto e musculoso lobo Alfa, com uma flamejante cor marrom nos pelos, tendo a cor de creme, na parte inferior de seu corpo. Possui olhos verdes, e se mostrou ter maior massa muscular e mais altura que Humphrey (ou Romeu).

Lilly como já dito antes, é a irmã mais nova de Kate (ou Julieta), sendo assim a segunda filha de Eve e Winston, anteriormente líder da Alcateia do Bloco Ocidental. Ela é uma loba ômega muito amigável, tímida, mas que gosta muito de se divertir, sendo praticamente o inverso de sua irmã Kate (ou Julieta). Porém, não tinha uma alta-confiança, até conhecer Garth. Seu nome significa "pureza, inocência e beleza'', sendo curiosamente três características muito marcantes em Lilly. Ela não era tão extrovertida com outros ômegas, mas ainda assim possui um grande senso de humor, e gosta de se divertir do seu próprio jeito.

Lilly tem a pelagem totalmente branca (sendo isso uma grande incógnita, pois seus pais não possuem nenhum traço branco), possuidora de belos olhos roxos (ou azuis, dependendo do ambiente ou do momento do dia/noite). Possui o mesmo tipo de cabelo que sua irmã Kate (ou Julieta), só que totalmente brancos. Há variações de um cinza bem claro nas costas, ombros, sobrancelhas e a parte interna de suas orelhas.

Garth e Lilly se conheceram no primeiro filme da franquia, intitulado de Alpha and Ômega (No Brasil: A Lady e o Lobo: O Bicho tá Solto) de 2010. Quando Kate (ou Julieta) e Lilly avistaram Garth, ambas ficaram impressionadas com a beleza dele, senso assim imediatamente acharam ele muito atraente. Nesse instante, Garth ainda não havia mostrado nenhum sinal de ter sentimentos por Lilly, até porque ele estava concentrado em seu dever de se casar com Kate (ou Julieta) para unir as Alcateias do Bloco Ocidental e do Leste. 

Porém, quando Kate (ou Julieta) havia desaparecido Eventualmente, porém, quando Kate desapareceu, Lilly se ofereceu para mostrar as redondezas para Garth, e logo começaram a ter sentimentos um pelo outro. Eles fizeram muitas atividades juntos, como quando Lilly fez Garth rir com suas imitações de tartaruga, enquanto Garth ensinava a ela alguns movimentos de caça. Quando ele tentou ensinar Lilly como caçar, ela errou o alvo e, acabou caindo. Envergonhada, ela se escondeu debaixo da casca de um tronco. Garth ajudou Lilly a tirar a franja dos olhos, e foi nesse momento que ficou admirado com os belos olhos roxos de Lilly, ao ponto de elogiá-los para Lilly. 

Mais tarde, Garth mostrou a Lilly o seu péssimo uivo. Vendo que Garth havia ficado abatido com isso, com muita paciência e doçura, Lilly colocou a sua pata no peito de Garth e falou a ele que a canção tinha que vir do coração. Em seguida, ela começou a ensina-lo a uivar, Garth ganhou a confiança que precisava e adquiriu uma bela voz. Em seguida, Garth e Lilly começaram a uivar juntos, numa bela sinfonia. Garth ficou muito empolgado com isso, principalmente pelo fato dos passarinhos não caírem, mas sim, adorarem a voz dele.

No entanto, eles foram interrompidos quando Garth percebeu que algum logos do Leste estavam se aproximando, prontos para um ataque contra a Alcateia do Bloco Ocidental. Quando Kate e Humphrey haviam retornado, o provável começo de confronto entre as duas alcateias, havia cessado. Garth e Lilly ficaram de coração partido, pois sabiam que agora, Garth iria dar prosseguimento ao mandamento de casar com Kate para unir as duas alcateias. Durante a cerimônia, Lilly estava em prantos, pois estava sendo difícil ver o logo que ela tanto amava, se casar com a sua irmã.

Porém, a história mudou quando Kate tinha admitido que ela ela estava apaixonada por Humphrey, um lobo Omega. O pai de Garth,Tony, estava indignado dizendo que o amor entre um Alpha e um Omega era contra lei das alcateias, no entanto, para surpresa de todos, Garth também confessou que estava apaixonada por uma Omega, que no caso era Lilly, que ficou muito feliz ao ouvir isso. 

Ambos foram vistos juntinhos, enquanto os pais de Kate/Lilly e o pai de Tony tentavam compreender o porque de tudo isso ter ocorrido.

Eventualmente, Winston e Tony permitiram as uniões de Garth e Lilly e como já vimos, de Kate e Humphrey. Muito feliz com essa notícia, Lilly saltou em cima de Garth, que trocaram carinhos em seguida, para a alegria de todos os integrantes de ambas as alcateias.

No fim, junto com todos os lobos e assim como Kate e Humphrey, Garth e Lilly estavam uivando romanticamente na Pedra dos Uivos. Ambos fizeram aparições eventuais nos filmes seguintes, já casados.

Mais um casal feliz na franquia "A Lady e o Lobo". Pensa que acabou os casais desse filme? Não, não acabou! Temos mais um casal (o mais inocente de todos), que é o  desse especial. Esse casal envolve a já citada filha de Kate (Julieta) e Humphrey (Romeu): Claudette! Vamos conhecer:


A Lady e o Lobo - Claudette e Fleet

Claudette é uma dos três filhotes de Kate e Humphrey. Ela é irmã do futuro líder da Alcateia do Bloco Ocidental, Stinky e do futuro Ômega, Runt, sendo assim, Claudette é a filha do meio. Assim como o pai, é muito brincalhona e sempre está pronta para uma aventura, mesmo sendo uma Alfa. Como qualquer fêmea (e na vida real, qualquer menina) parece que tem um pouco mais de apego em sua mãe (como por exemplo, foi visto no terceiro filme da franquia, intitulado de Alpha and Omega 3: The Great Wolf Games (No Brasil: A Lady e o Lobo 3: A Grande Competição), lançado em 2014, Claudette aprendia lições com a sua mãe Kate, como deslizar em uma eventual caça ou corrida, já que Kate é muito boa nisso; Claudette encontrando conforto em sua mãe por estar preocupada com a Grande Corrida que ia participar e no quinto filme, intitulado de Alpha And Omega: Family Vacation (No Brasil: A Lady e o Lobo 5: Ferias em Família), lançado em 2015, quando Claudette foi abraçar a sua mãe quando ela e seus irmãos se reencontraram com seus pais).

Claudette também tem muita afeição pelo seu pai, afinal de contas, boa parte de suas características foram herdadas dele. A partir do terceiro filme, vimos esse lado super protetor de Humphrey. Na grande corrida, vimos ele torcendo por Claudette. Assim como tem pela mãe, Claudette tem muito carinho e apreço pelo seu pai, e vice versa. Seu relacionamento com seus irmãos também é muito bom: faz muitas coisas juntas com Stinky (e ao que parece, os dois tem um vínculo muito forte um com o outro) e tem grande preocupação com Runt, que é seu irmão mais novo.

A aparência de Claudette é semelhante à sua mãe: pelugem na coloração tan com uma mistura de branco e amarelo escuro em várias partes de seu corpo. O cabelo de Claudette é muito parecido com o da sua avó Eve (mãe de Kate). Ela também tem os olhos castanhos de sua mãe.

Fleet é um filhote da Alcateia do Norte. Ele é filho de Nars, que é treinador dos filhotes da equipe do Norte. É muito habilidoso em velocidade, mas nem tanto nas curvas, onde perde velocidade e até mesmo derrapa. Apesar disso, é bem competitivo, esforçado e com o desenrolar das suas aparições no terceiro e quinto filme, parece ser muito simpático e de bom coração. Sua primeira aparição foi no terceiro filme, inclusive foi um dos personagens mais importantes. Sendo pai e treinador, Nars foi sempre rígido com Fleet e com a sua outra filha, de nome Magril. Porém, vimos no final do terceiro filme que Nars o parabeniza pela primeira vez, e pede desculpas por ser um pai tão rígido. (fazer as características corporais de Fleet).

Fleet tem a pelagem amarelo escuro, com partes brancas no rabo, ventre, patas, peito, orelha e focinho. Seus olhos são verdes.

Claudette e Fleet se conheceram no terceiro filme da franquia (como já dito) Alpha and Omega 3: The Great Wolf Games (No Brasil: A Lady e o Lobo 3: A Grande Competição), lançado em 2014. Stinky, Claudette e Runt estavam vendo alguns filhotes de lobo perseguindo alguns caribus. Eles se decidem juntar ao grupo, e Claudette demostra ser muito habilidosa com um movimento de rotação, que aprendeu com sua mãe, Kate. Ela faz isso perfeitamente, ocasionando em elogios de um filhote de lobo até então desconhecido, chamado Fleet. 

Quando os dois se olham de frente, ocorreu uma paixão a primeira vista. Coincidentemente, colocaram o mesmo tema de fundo de Kate e Humphrey.

Na cena seguinte, enquanto Claudette demostra estar apaixonada por Fleet, ele se apresenta, e explica que ele e os outros filhotes da Alcateia do Norte estavam treinando para a Grande Competição, onde filhotes de Lobos competem em vários eventos.



Claudette diz que nunca havia ouvido falar da competição, e Fleet diz que o Bloco Ocidental teve uma rápida passagem nas competições, alguns anos atrás, mas não foram capazes de vencer a Alcateia do Norte. Claudette se sente ofendida quando Fleet sugere que ela e seus dois irmãos deveriam torcer para a Alcateia do Norte, e tem a boa ideia de pedir para que seu pai (Humphrey) treine ela, Stinky e Hunt para os jogos.

Apesar de uma inicial recusa de Humphrey, ele topa. E com a ajuda de um filhote de urso  (de nome Brent) e de uma porco-espinho (de nome Agnes), a Equipe da Alcateia do Bloco Ocidental fica formada, com os cinco integrantes obrigatórios. Mais tarde, Claudette estava caminhando quando viu Fleet correndo em boa velocidade. Fleet olha pra trás e sorri pra ela, indicando mais uma vez que tem sentimentos por ela. Ela fica impressionada e fica com aquele olhar apaixonado. Meio que por impulso, ela salta e grita "Vai Alcateia do Norte". 

Depois, ela fica meio que assustada pelo o que acabou de dizer.

No início, a Equipe da Alcateia do Norte parecia ser boa, mas foi descoberto que Brent tinha um medo mortal de aves e Agnes possuía uma incontrolável velocidade, o que acabava atrapalhando. Isso acaba envergonhando o grupo na frente de todos os outros filhotes. Com paciência, Humphrey ensina Brent a superar seu medo de pássaros, e Agnes a controlar sua velocidade. No dia seguinte, os animais se preparavam para os jogos para começar. A equipe da Alcateia do Norte chega, liderado por Nars, que está obcecado pela vitória a qualquer custo. A equipe de Humphrey, embora decentemente treinados, parecem inferiores a equipe da Nars. Enquanto conversava com Humphrey, Nars revela seu passado, onde havia perdido os jogos para Kate (sim, Kate, esposa de Humphrey e mãe de Claudette). A equipe de Humphrey ganha o primeira corrida, graças à habilidade de rotação de Claudette, que aprendeu com sua mãe, Kate. 

Mais tarde, Claudette encontra Fleet, que está chateado de perder a primeira partida para Claudette. Ele diz que ela é boa, mas não tão boa quanto Kate. Quando Fleet disse isso, acabou por ferir os sentimentos de Claudette. Mais tarde a noite, Claudette viu Nars ordenando a Fleet a ganhar a corrida do dia seguinte, a todo custo. Meio desanimado, Fleet afirma que vai ganhar.

A corrida do dia seguinte, aconteceu em uma planície rochosa, onde o objetivo dos filhotes era subir a colina e ao mesmo tempo, evitar obstáculos. A equipe Nars consegue vencer a corrida por engano. No entanto, Magril torce o tornozelo, sendo desclassificada.

A corrida final acontece ao redor da montanha entre Claudette e Fleet. Mais tarde, enquanto Claudette treina para a corrida final, Fleet alcança ela e pede desculpas por ser tão mal com ela. Ela gentilmente o perdoa.

Em seguida, Claudette ensina Fleet ao fazer o giro com derrapagem corretamente, coisa que até então ele ainda não havia conseguido. 

Fleet tenta, mas acaba perdendo o controle e cai em um arbusto. Claudette corre pra ver se aconteceu alguma coisa com ele, e o encontra com as patas para cima. Fleet pisca para Claudette, e ela acha graça, e pisca de volta.

Quando Fleet estava prestes a revelar seus sentimentos por Claudette, o seu pai e treinador Nars aparece e furiosamente repreende Nars por estar treinando com uma adversária. Claudette fica triste por Fleet está sendo tão maltratado pelo pai dele, e percebe que ela realmente estava apaixonada por ele. 

No dia seguinte, Claudette e Fleet estão se preparando para a corrida final. Os dois mostram que realmente se importavam um com o outro. 

Ambos caminham juntos até o lugar onde vai começar a corrida.

A última corrida começa e Claudette e Fleet correm ao redor da montanha, com Fleet ensinando a Claudette sobre como saltar sobre as rochas. Enquanto eles se aproximam da linha de chegada, Fleet, mais uma vez erra a manobra do giro. Vendo isso, Claudette propositalmente diminui a sua velocidade para que Fleet alcance-a. Eles passam por uma pedra e, desta vez, Fleet consegue fazer a manobra do giro. A corrida, eventualmente, termina em empate. Kate felicita Claudette pela corrida, afirmando que estava muito orgulhosa. Nars percebe que estava sendo muito arbitrário e felicita seu filho pela primeira vez, para grande surpresa de Claudette e principalmente de Fleet. 


Claudette e Fleet estão muito felizes e estão olhando um apara o outro. Com uma grande ajuda dos patos Marcel e Paddy, ambos sem querer acabam se beijando.

Inicialmente envergonhados, ambos ficam felizes com essa "pequena ajuda" dos dois patos.

No fim do filme, ambos caminham juntos, planejando como iam participar dos jogos do ano seguinte.

Esse relacionamento entre Claudette e Fleet ficam mais visível ainda no quinto filme, intitulado de Alpha And Omega: Family Vacation (No Brasil: A Lady e o Lobo 5: Ferias em Família) de 2015.

O filme começa com Kate, Humphrey e os filhotes, que estão em seu caminho para Alfred Creek Falls para aproveitar boas férias em família. Porém Claudette está se sentindo solitária por não trazer os outros animais (especialmente Fleet) para acompanhá-los, mas sua mãe Kate, lembra a ela, Stinky e Hunt que essas férias serão proveitosas para compartilhar experiências. 

É nesse instante que Claudette tem um flashback, onde ela e Fleet estão juntos em uma cena conhecida do terceiro filme. Empolgada com a lembrança, ela imagina beijando Fleet, mas quando abre os olhos, vê que está beijando o ar, e sua família está olhando para ela, comicamente espantados.

No decorrer do filme Kate, Humphrey e sua família descobrem que dois caçadores estão a procura de lobos e filhotes de lobos para o outro lado do país, e que todos os lobos fugitivos estão se escondendo perto das montanhas da fronteira. Mais a frente, a família é perseguida por esses caçadores. Por orientação do pai de Kate (Winston), os patos Marcel e Paddy vão ajudar Kate, Humphrey e os seus filhotes.

A seguir, velhos amigos do terceiro filme como a porco-espinho Agnes, o urso Brent e (é claro, para a alegria de Claudette) o lobo filhote Fleet vem também ajuda-los. É nesse instante que acontece o feliz reencontro entre Claudette e Fleet. Ambos estão visivelmente felizes em se ver. E também muito apaixonados.



Fleet (profundamente apaixonado por Claudette) promete salvá-la e também a sua família. Todos  concordam em ir em grupo, para ajudar os outros lobos. A noite, após o grupo sofrer uma nova perseguição pelos caçadores, mais uma vez conseguem escapar ao se abrigarem em um trem, onde mais uma vez, ocorre um flashback com cenas de outros filmes anteriores. Após o flashback, Kate, Humphrey, seus filhotes e todo o resto de animais, começam a cantar uma canção, inclusive Claudette e Fleet, que estão juntos em um canto.

Uma cena antes, ambos estavam frente a frente.

Um clima romântico pinta entre os dois, e eles quase trocam carinhos. Mas, o pai de Claudette (Humphrey) acabou impedindo que isso acontecesse.

Quando o trem pára, os animais saltam para fora e Paddy informa que eles estão ficando mais perto da fronteira. No dia seguinte, Stinky detecta os caçadores se aproximando. Os animais atravessaram um campo aberto e por muito pouco não foram baleados em um ataque aéreo. Mesmo com a torção no tornozelo do Runt, o grupo prossegue com a viagem. Foram atacados pelos caçadores, foram ajudados por uma ex mulher de um dos caçadores e houve outras perseguições. No fim, o grupo de animais conseguiram vencer os caçadores e finalmente haviam chegado a Alfred Creek Falls para as férias. Todo o grupo está feliz com isso, e pela primeira vez, vemos troca de carinho entre Claudette e Fleet, dessa vez, com a permissão de Kate e Humphrey. 

O filme chega ao fim com todos eles voltando para o Parque Jasper.

Tenho certeza que vocês adoraram conhecer esse jovem e simpático casal. Esperamos que não só eles, mas os outros dois também, possam proporcionar novas imagens românticas, nos próximos três filmes da franquia que serão lançados em breve! Mas agora, vamos conhecer o  casal desse especial, que é esse:


Bernardo e Bianca - Bernard (Bernardo) e Bianca

Bernard (ou Bernardo) é um rato muito cauteloso, supersticioso e morre de medo do número 13. No entanto, ele também provou ser muito bravo e corajoso. Além de que, apesar de ser apenas um pequeno rato, Bernard tem se mostrado incrivelmente forte. Apesar de ser tímido, é bastante amigável. Sua aparência consiste em ser um ratinho um pouco acima do peso, com a coloração cinza e olhos pretos. Sempre usa uma camisa vermelha e um boné vermelho (no primeiro filme) ou boné escuro (no segundo filme). Sua braveza foi o suficiente para mostrar o seu valor para a organização localizada no subsolo da ONU, na cidade de Nova York, que dedicada a ajudar vítimas de sequestros em todo o mundo. Antes ele era um simples zelador, mas graças a Bianca, se tornou o co-agente de Bianca.

Miss Bianca (No Brasil: Senhorita Bianca) ou simplesmente Bianca, é uma embaixadora da Hungria e agente secreta da já citada organização dedicada a ajudar vítimas de sequestros em todo o mundo. Como qualquer personagem de bela aparência, ela é caprichosa com isso, sempre usando bons perfumes e o seu pó de rosto. Ela é muito bonita, elegante e graciosa, o que a distingue de outras personagens da Disney. Apesar de sua pequena obsessão com a sua aparência, ela é muito bondosa, compassiva, cuidadosa, e amorosa. Nota-se que ela é bastante ousada e tem uma grande paixão por aventura. Ela também tem um forte senso de responsabilidade quando se trata de sua posição na Organização, colocando o seu dever em primeiro lugar.

No primeiro filme, intitulado de The Rescuers (No Brasil: Bernardo e Bianca) de 1977, a Organização recebe um pedido de socorro de uma menina chamada Penny, e convoca uma reunião com representantes de cada país do mundo. Enquanto cantavam o Hino da Organização, o até então zelador Bernardo deslumbrou a presença de uma bela rata que estava chegando atrasada, e estava retocando a maquiagem antes de entrar no prédio da Organização. Era Bianca, que sorriu quando percebeu que Bernardo estava olhando para ela.

Sua beleza também é notada pelos outros representantes dos outros países, mas claro, que de forma respeitosa. Bianca consegue ler a carta enviada por Penny dentro de uma garrafa (trazida por Bernardo para dentro da Organização) e se voluntaria para investigar e encontrar a garota. O presidente da Organização concede o pedido, com a condição de que ela leve um co-agente. Para a surpresa de todos, ela escolhe...Bernardo!

Com um certo grau de satisfação e com um pouco de temor (por parte de Bernard), ambos se encaminharam para o orfanato onde Penny viveu, antes de desaparecer, para uma rápida investigação.

Após coletar informações, Bernardo e Bianca foram para mais uma investigação. Dessa vez, foram para uma loja de penhores da mulher que supostamente adotou Penny, chamada de Madame Medusa.

Eles também descobrem que Medusa e seu parceiro Sr. Snoops estão em Baía do Diabo com Penny, a quem eles não adotaram, mas sim sequestraram, e a guardam com dois jacarés treinados, chamados Brutus e Nero. Mais tarde, Bernardo e Bianca em um voo da Companhia Albatroz, onde Orville Albatroz era a própria aeronave. É nessa cena que vemos o lado supersticioso de Bernardo, ao temer o numero do voo: 13 e também a quantidade de escadas para subir na "aeronave": 13 também.

Bernardo estava meio tenso pelo fato de estar viajando de "avião", mas é agora que vemos o lado acalentador e gentil de Bianca. Ela falou para Bernardo não se preocupar, e em seguida, para a sua surpresa, o beijou. 

Isso deixou deixou Bernardo ao mesmo tempo surpreso e feliz!

No início da viagem, acompanhamos o nascer do relacionamento entre Bianca e Bernardo. Ambos estavam cada vez mais próximos.

Em seguida ainda no ar, Bernardo ainda estava preocupado coma  viagem ao verificar um mapa com a rota do "avião". Mais uma vez, Bianca acalmou Bernard, ao deitar em seu ombro.

Meio receoso com tal atitude carinhosa de Bianca, Bernardo ficou pensativo por poucos segundos, mas em seguida, envolveu Bianca em seus braços, e ambos seguiram abraçados durante toda a viagem.

Esse momento romântico, foi interrompido pelos fogos de aviso, disparados por Sr Snoops, indicando que haviam encontrado Penny, que havia tentado fugir. Orville foi atingido, mas Bernardo segurou Bianca firmemente, impedindo que ela caísse.

Em seguida, com a ajuda da Libélula Evinrude, Bernardo e Bianca (já em chão) descobriram que Penny foi capturada para entrar em um buraco que leva para dentro da caverna dos piratas, onde o um diamante de grande valor chamado Olho do Diabo estava escondido. Com isso, o propósito de sequestro da menina Penny havia então sido descoberto.

Regatar Penny não foi nada fácil para Bernardo e Bianca. Foram quase pegos pelos dois jacarés (imagem abaixo), quase morreram quando Madame Medusa e o Sr. Snoops os havia visto e por muito pouco, o plano de resgate de Penny fracassaria. 

Mas com a ajuda de um grupo de animais caipiras (amigos da Libélula Evinrude), o plano de resgate da menina Penny havia dado certo, pois ela conseguiu fugir com a ajuda desses animais e Madame Medusa junto com seu comparsa haviam se dado mal. Bernardo e Bianca vibraram muito com isso, junto com os animais.

Mais tarde, já de volta a Organização de Resgate em Nova Iorque, Bernardo, Bianca e todos os membros da Organização viram felizes pela TV, a feliz novidade: Penny havia sido adotada por um simpático casal e havia doado o Diamante para o Instituto Smithsoniano. Bianca muito contente com isso, beija Bernardo mais uma vez.



No fim do filme, Bernardo e Bianca são encaminhados para mais uma missão, ou seja outro pedido de socorro em outra parte do mundo, ironicamente no dia 13. O filme termina com Bernardo e Bianca abraçados na "aeronave' (mia uma vez a aeronave é o Orville), que está se encaminhando para o local de onde o pedido de socorro veio, na companhia da corajosa Libélula Evinrude.

Em 1990, foi lançada a sequencia do filme, intitulado de The Rescuers Down Under (No Brasil: Bernardo e Bianca na Terra dos Cangurus). Esse foi o primeiro filme de animação digital da história. Vemos no começo do filme que o relacionamento de Bernardo e Bianca ao que parecia, havia evoluído para um namoro, e os dois estavam em um restaurante chique.

Bernardo parecia nervoso para Bianca, mas ele negava isso. Vimos que Bernardo estava planejando pedir a mão de Bianca para casar!!! Mas, antes que Bernardo conseguisse isso, ele e Bianca receberam um comunicado vindo da Austrália, de que um garoto de oito anos chamado Cody, havia sido sequestrado por um caçador chamado McLeach.

Ambos se encaminharam mais uma vez para a Companhia Albatroz, mas dessa vez, voaram no albatroz chamado Wilbur, que é irmão de Orville. Mais uma vez, vimos que Bernardo e Bianca continuavam apaixonados um pelo outro.

Tanto que, quando Bianca despertou de seu sono, ela olhou para Bernardo, e sorriu de satisfação. 

E para acordá-lo gentilmente, o beijou. Bernardo havia despertado muito feliz.

Só que já em terras australianas, vimos o lado ciumento de Bernardo. Aconteceu que um notomy (animal semelhante a um rato e também ao canguru) de nome Jake (membro da Sociedade de Resgate da Austrália) se ofereceu para guiar Bernardo e Bianca, e era notório que Jake tentava flertar com Bianca. E isso deixava Bernardo com muito ciume. 

Mais tarde, a sós, Bernard estava sendo auxiliado por Bianca em tirar alguns espinhos que estavam em suas costas. Esse era o momento perfeito para mais uma vez tentar e pedir Bianca em casamento, já que Bernardo ainda levava consigo o anel de noivado.

Bernardo se ajoelha na frente de Bianca, e pega a sua mão. 

E quando estava próximo a fazer a tão esperada pergunta de "Você aceita se casar comigo?" para Bianca...


..Jake aparece, sendo perseguido por uma serpente.

Mais afrente, descobrimos que o proposito de sequestro do garoto Cody, era por causa da bela ave gigante chamada Mahaute (similar a uma águia), no qual ele e Cody eram grandes amigos. McLeach queria a todo custo obrigar o garoto Cody a dizer onde a ave estava e guardava seus ovos, pois como a ave era muito rara, com certeza a sua captura iria conceder muita grana ao sequestrador.

É a partir de agora que vemos o lado corajoso e inteligente de Bernardo. No rancho McLeach, Cody foi jogado em uma gaiola com vários animais capturados. Cody tenta libertar a si mesmo e os animais, mas é impedido por Joanna, uma lagarta de estimação do caçador. McLeach faz Cody pensar que alguém atirou em Marahute, e "liberta" o garoto, fazendo com que ele acabe indo ao ninho do animal, sem saber que estava sendo observado por McLeach.

No ninho do Marahute, Bernardo, Bianca e Jake tentam avisar Cody que ele está sendo seguido, quando eles fazem isso, o caçador McLeach chega e captura Marahute, juntamente com Cody, Jake e Bianca. Bernardo por pouco não é capturado. Joanna tenta comer os ovos de Marahute, mas Bernardo encontrou o ninho primeiro e substituiu os ovos por pedras, a fim de protegê-los. O caçador leva Cody e Marahute para um lugar distante, onde Cody é pendurado por um laço em cima de um lago com um grande grupo de crocodilos, mas Bernardo, montando em um tipo de porco selvagem, impede que o menino caia no lago. Em seguida, McLeach tenta jogar Cody na água. O Albatroz Wilbur reaparece e começa a chocar os ovos de Marahute até o fim do filme. Enquanto isso, para salvar Cody e se livrar de McLeach, Bernardo faz Joanna se chocar em McLeach, fazendo com que os dois caiam na água. Os crocodilos correm atras de McLeach e entra em luta com ele. Joanna se salva mas o temível e malvado caçador McLeach cai em uma cachoeira e provavelmente morre.

Bernardo mergulha na água para salvar Cody, mas falha. Jake e Bianca libertam Marahute a tempo de ela salvar Cody e Bernard, poupando-os do destino do caçador McLeach. Já nas alturas, o garoto Cody e Bernardo, Bianca e Jake estavam montados em Marahute, e Bianca abraça amorosamente Bernardo por ser tão corajoso.

É nesse instante que Bernardo preocupado com que outra coisa o atrapalhasse, cria coragem e enfim (de joelhos mais uma vez) consegue perguntar a Bianca (que está muito feliz e emocionada) se ela aceitava se casar com ele, com o anel dentro da caixinha.

Bianca não esconde sua alegria, e observa o anel.

Tendo feito isso, Bianca com muita felicidade abraça Bernardo e diz sim, sem pensar duas vezes!!!

O filme se encerra com todos partindo para a casa de Cody (detalhe para Bernardo e Bianca de mãos dadas) e Wilbur comicamente "sendo esquecido", ao continuar a chocar os ovos da Marahute.


Que maravilha né? Mais um casal feliz formado. Esperamos que quem sabe um dia essa história possa ter continuação em um possível terceiro filme :) Vamos ao  casal desse especial, que é:

Gatos Não Sabem Dançar - Danny e Sawyer

Danny é um ambicioso, mas bondoso e otimista gato malhado. Ele é o principal protagonista do telefilme Cats Don's Dance (No Brasil: Gatos Não Sabem Dançar) de 1997. Danny tem 19 anos e quer uma vida melhor, e para isso acontecer, ele deixa a sua cidade natalo e embarca em um ônibus, sonhando em se tornar uma famosa estrela de Hollywood, e fica animado quando chega na cidade. Quando ele descobre que os gatos e todos os animais só tem apenas uma fala e sofrem preconceitos pelos atores e diretores humanos, ele faz de tudo para que ele e seus amigos sejam o centro das atenções, graças ao seu otimismo implacável. Danny tem muitos talentos aparentes, tais como dançar, cantar e atuar. 

Sua coloração corporal é a cor laranja, possui olhos verdes e em boa parte do filme, usou um chapéu de palha, uma camisa branca, um colete verde, um laço verde e uma calça marrom. 

Sawyer é uma bela gata persa de 27 anos, sendo o segundo personagem principal do telefilme. Muitos antes de Danny chegar em Hollywood, Sawyer era originalmente uma ótima dançarina com uma bela voz para cantar, mas foi gradualmente desiludida. Cansada pela injustiça de Hollywood com ela e com outros atores de origem animal, desistiu desse sonho e de prosseguir com o seu talento. No começo do filme, sua personalidade era notavelmente de uma gata estressada, bastante cética e principalmente irônica, devido os seus sonhos terem sido quebrados, e quando sua carreira como dançarina não der certo ela é contratada como secretária para Farley Wink, que é o proprietário do edifício da agência de talentos para animais atores. Com o desenrolar do filme, essa má impressão é substituída aos poucos, graças a Sawyer de do seu otimismo implacável, e vimos que ela continua tão talentosa quanto era mais jovem. Além disso, ela foi a única a acreditar no talento de Danny, quando ninguém mais acreditava.

Sua aparência consiste em uma bela pelagem totalmente branca, uma grande causa espessa muito bem cuidada, suas patas são pequenas, pouco subdimensionadas em relação a todo o resto do corpo. Seu rosto é expressivo, com grandes e belos olhos na cor de ouro. Uma mecha de pelos cobre a sua testa (parecendo uma franja). Apesar da pelugem ser branca, boa parte de seu rosto é na cor rosa claro.

No começo Danny, muito empolgado com a sua chegada em Hollywood, começo a cantar. E enquanto isso estava acontecendo, Sawyer estava tendo uma péssima manhã, ao perder o táxi (que Danny havia pedido primeiro); derramar café na sua roupa (ocasionado pela dança em que Sawyer estava fazendo em cima do bonde onde Sawyer estava); até mesmo se molhar todinha ao cair em uma fonte (também ocasionada pela euforia de Danny). O cômico é que Danny não fazia ideia que estava ocasionando essa sucessão de acidentes em Sawyer.

Já no escritório da agencia de talentos, Danny e Sawyer acabam se esbarrando, literalmente, de frente. Farley Wink diz que Danny será o seu novo parceiro na peça sobre a arca de noé (para grande desgosto de Sawyer).

No começo, Sawyer não gostava de jeito nenhum de Danny, tratando ele com bastante ironia. Apensar disso, Danny continuava muito empolgado e bastante educando com Sawyer. Em uma cena, ele abriu educadamente a porta para Sawyer, mas acidentalmente fechou na cauda dela. percebendo isso, ele se desculpou com ela. No set de gravação do musical da Arca de Noé, Danny conheceu a garotinha Darla Dimple, de aparência parecia ser uma menina doce e gentil, mas na verdade ela odeia animais, é metida, mimada, e vingativa com quem a prejudica de alguma forma. 

Ainda no estúdio de gravação, Danny ficou um pouco decepcionado e surpreso quando viu que a sua unica fala era um simples "miau". Ela havia sido advertido por Sawyer (de forma bastante irônica) para não assumir o papel principal (pertencente a Darla). Danny não deu atenção, e Sawyer suspirou e disse dizendo que ele "iria aprender da maneira mais difícil". Danny acabou por chamar mais atenção do que Darla ao dizer o seu "miau" cantando e dançando. Isso enfureceu Darla e ela mandou que Danny fosse punido pelo seu enorme e assustador mordomo chamado Max. Max intimida Sawyer dando a ele entender que "um gato apenas deve dizer miau" e que se Danny não fizesse isso, com certeza iria sofrer grandes consequências (como por exemplo apanhar de Max).

Depois disso tudo, Danny está meio confuso, e começa a enxergar a dura realidade dos animais em Hollywood. Sawyer fala diretamente com Danny, dizendo que a vida em Hollywood para os animais não é nada bonita e nada fácil. Ela diz que os humanos desprezam os animais talentosos, e que não importa o quanto se esforcem, jamais chegarão ao topo, sendo assim, uma vida difícil. Para concluir, Sawyer (bastante chateada com certeza lembrando do seu passado glorioso) diz para Danny que ele jamais deveria ter saído de sua terra natal.

Danny tinha ficado magoado, mas logo se animou ao ver que os animais que ele conhecera na agência de talentos anteriormente chamado Tillie (uma hipopótamo), Cranston (um bode), Frances (um peixe fêmea) e TW (um tartaruga) e no estúdio de gravação um simpático pinguim chamado Pudge e um elefante chamado Woolie tinham talentos diversos, como cantar, dançar, tocar e atuar. E viu mais uma vez que humanos não se importam com o talento dos animais.

Danny, através do seu infindável otimismo, ficou comprometido em ajudar a todo esse grupo citado, e principalmente Sawyer, em terem os seus talentos reconhecidos. Danny começou a cantar uma musica bem animada, e uma luz começou a sair do corpo de cada um daqueles animais, sinal de que a esperança de cada um estava sendo renovada naquele instante, ao "ressuscitarem" os talentos de casa um. Sawyer que está no escritório sai para ver de onde estava saindo aquele som.

Danny vê ela, e pede para ela dançar. Ela se recusa, mas através da insistência dos outros animais, ela começa a dançar de forma vistosa e alegre. A luz de esperança brota do corpo dela, e quando os dois estavam dançando juntos, um rápido momento romântico pintou entre Sawyer e Danny.

Porém ela volta a ficar nervosa, e apos uma breve conversa, se afastou de Danny. Persistente, Danny teve uma ideia de conversar com Darla para dar uma chance a todos os animais demostrarem seus reais talentos para LB Mammoth, dono/presidente dos estúdios de gravação. Só que Darla estava observando tudo de longe e iria realizar um plano maléfico para acabar com os sonhos dos animais, para sempre.

Mais tarde, Danny (sem que os outros animais soubessem) convoca uma audiência particular com Darla Darla pergunta a Danny o que ela pode fazer para o ajudar. Danny não estava com certeza do que queria, mas Darla começou a por seu plano diabólico em ação, dando uma ideia para Danny. Ela sugeriu para que ele e os outros animais poderiam se apresentar para L.B.Mammoth na sexta-feira às 15h, onde ele iria convocar uma coletiva de imprensa. Danny gostou da ideia, e agradeceu a Darla. Quando ele deixou o lugar, Darla demostrou suas reais intenções,que era de fato, acabar com os sonhos de Danny e de todos os animais, para sempre.

Todos os animais estavam animados com a apresentação da Arca de Noé para L.B.Mammoth, mas Darla acabou sabotando a apresentação, ocasionando uma grande inundação no estúdio, Na cena abaixo, Danny segurou Sawyer para que não caísse, mas Tillie acabou rolando e seu grande peso, fez com que a arca cenográfica saísse descontroladamente.

L.B. acabou sem querer amarrado junto ao mastro da Arca cenográfica junto com seu assistente. Quando tudo parou, Danny e Sawyer estavam ensopados em uma boia e ouviu da boca de L.B., de que todos os animais estavam despedidos.

Todos os animais ficaram decepcionados quando descobriram que Danny tinha feito o acordo com Darla. Todos os animais sabiam que Darla nunca gostou dos animais, mas Danny não sabia disso. Sawyer e os outros animais se sentiram traídos por Danny.

Deprimido, Danny decidiu retornar para a sua terra natal, e abandonar Hollywood para sempre. Sawyer começa a cantar e percebe que Danny reascendeu anteriormente aquela vontade de ser mais do que uma simples secretária. Mas infelizmente ela não conseguiu alcançar o ônibus em que ele estava retomando para sua cidade natal. Para sua tristeza, ela só encontra o chapéu e a lista de coisas que Danny iria fazer em Hollywood. 

Foi notória as lágrimas de Sawyer ao ler a lista de Danny, que não conseguiu realizar os seus sonhos. Porém, ela não sabia que Danny, ao observar do lado de fora do ônibus, todos os animais desempregados e na sarjeta, retoma a sua esperança, determinação e principalmente o seu otimismo e desiste de voltar para sua terra natal, para ficar em Hollywood e ajudar a todos os animais a enfim se tornarem reconhecidos pelos humanos.

Ele produz convites para o grupo de animais que ele conhecera na agencia de talentos e para Sawyer para se apresentarem no principal teatro a noite. Só que Danny quase foi capturado por Max, e apanhou bastante antes de derrotá-lo. Danny aparece no palco, para a surpresa de todos os humanos que estavam naquele lugar. Sawyer e os outros animais estão na plateia, acompanhando o plano de Danny. 

Danny convoca ao grupo de animais para o palco, mas eles ainda parecem magoados e com raiva, menos Sawyer que está feliz com o retorno de Danny. 

Porém o grupo de animais, junto de Sawyer, deixam a platéria. Vendo os assentos vazios, Danny estava prestes a desistir, mas para sua surpresa Sawyer (surge das cortinas) e pega na mão de Danny, dizendo que ela e Tillie (a hipopótamo), Cranston (o bode), Frances (a peixe fêmea), TW (o tartaruga), Pudge (o pinguim) e Woolie (o elefante) estão ali para ajudá-lo, mesmo com uma certa resistência de Cranston. 

Danny anima esses animais para se apresentar com ele, e mostrar para todos os humanos que animais tem sim grande talento. Ao som de "Nothing's Gonna Stop Us Now" (em tradução simples, quer dizer algo como "Nada vai nos parar"), todos os animais estavam fazendo uma apresentação musical fantástica, para grande desgosto de Darla.

Danny e Sawyer fazem uma apresentação incrível junto com os outros animais, apesar de Darla ao tempo todo, querer sabotar o musical.

Perto do fim, após a fantástica apresentação do grupo de animais, Darla acabou deixando escapar que ela foi a culpada pela inundação do estúdio de L.B., ao gritar (sem saber que um microfone estava ligado) para Danny que deveria ter afogado os animais quando ela teve chance. Ela foi devidamente punida, ao ser demitida e rebaixada a limpadora de chão. 

No fim, todo aplaudiram de pé o musical. Sawyer estala levando consigo a lista de Danny que ficou impressionado com isso. Sawyer estava riscando os sonhos bem sucedidos e realizados por Danny, e parou na parte onde estava escrito que "Queria conquistar uma garota". 

Foi nesse momento que Sawyer enfim demostrou que gostava de Danny, para a sua alegria e prazer. Os dois ficaram de mãos dadas e iam se beijar.

Só que o assistente de L.B. surgiu entre as cortinas e atrapalhou (mesmo sem intenção) o beijo entre Danny e Sawyer. Danny e Sawyer ficaram enojados ao beijar sem querer as bochechas dele.

L.B. surge em seguida e oferece a todos os animais, um contrato para estrelar todos os famosos filmes que iriam lançar. O filme termina com cada animal, que é mostrado em famosos filmes lançados pelas décadas, inclusive Danny e Sawyer, que agora estão namorando.

Bom seria que a Warner Bross fizesse uma continuação desse filme. Quem sabem um dia né? Agora, vamos a mais uma casal de filme de animação. O  Casal desse especial é:


Gnomeu e Julieta - Gnomeu e Julieta

Gnomeu e Julieta são os protagonistas principais do filme de animação britânica de nome Gnomeo & Juliet (No Brasil: Gnomeu e Julieta) de 2011. 

Forte, habilidoso, líder nato, com um forte espírito aventureiro, além de pacificador e de grande esperteza/agilidade. Gnomeo tem todos essas qualidades, além de ter orgulho de ser um Gnomo pertencente ao lado azul. Não há absolutamente nada que Gnomeu não consiga fazer, mesmo sendo um simples anão de jardim. Possui grande satisfação de estar ao lado de seus amigos, da sua mãe (a Lady Azulejo), que é a líder dos Gnomos Azuis e da vida que possui. Sua estatura e o perigo de ser quebrado (pois anões de jardim, são feitos de porcelana) não impedem que ele participe de qualquer desafio que os Gnomos Vermelhos (rivais dos Gnomos Azuis) propõe para ele. Detesta finais tristes e adora um bom momento de paz e relaxamento. Um dia (na verdade, em uma bela noite de céus estrelados) sua rivalidade com os Gnomos Azuis simplesmente desaparece, quando ele se apaixona por uma bela Gnomo chamada Julieta (já já, mais detalhes).

A aparência de Gnomeu consiste em basicamente um colete, gorro e um chapéu pintados de azul. Nessa composição, também usa uma camisa de manga curta, pintada de branco. Possui olhos pintados de azul, uma calça pintada de cinza, acompanhado de um cinto pintado de marrom e uma fivela na cor dourada. Como qualquer gnomo de jardim, possui uma pequena barba na cor branca. Ele ainda possui uma pequena e discreta franja pintada na cor loura.

Juliet (no Brasil recebeu o nome de Julieta) é muito mais do que um rostinho bonito. Além de ter beleza, carisma e gentileza, ela tem o novo padrão atual de personagem femininas da Disney: é determinada, habilidosa (em dirigir um cortador de grama e em escalar altas estruturas), destemida e não tem medo de nada. Tem o sonho de mexer no jardim, junto com os Gnomos Vermelhos, mas problema é que seu pai (o Lorde Tijolinho) que é líder dos Gnomos, como qualquer pai protetor, acha que Julieta deve apenas fazer uma função: ficar no alto de um belo pedestal, segurando uma rosa vermelha de plástico. É claro que com o decorrer do filme, vemos que ela não se contentou em fazer só isso. Pertencente ao lado dos Gnomos Vermelhos, possui a mesma vontade e objetivo deles: derrotar e ser melhor do que qualquer Gnomo Azul. Só que depois de conhecer Gnomeu, ela começa a ver as coisas com uma nova perspectiva.

Assim como Gnomeu, possui roupas bem simples. Ela usa um gorro pintado de vermelho, um vestido pintado nas cores vermelho, branco e preto. Tem as pernas pintadas de branco, para dar a impressão que está usando meias longas. Seus sapatinhos são pintados na cor preta. Tem o rosto corado nas bochechas, possui um discreto mas bonito cabelo pintado na cor castanha, e tem olhos pintados na cor verde.


No filme, a Sra. Montéquio e o Sr. Capuletto são dois vizinhos idosos que desprezam um ao outro. Quando deixam seus respectivos jardins, os seus gnomos de jardim ganham vida. O jardim da Senhora Montéquio é preenchido com gnomos de roupas e chapeis azuis, e o jardim do Senhor Capuleto tem gnomos de roupas e chapéu vermelho. Tal como os seus jardineiros humanos, os gnomos azuis tem uma grande rivalidade com os gnomos vermelhos. É como se fosse a rivalidade entre os torcedores do Grêmio e Internacional, no futebol brasileiro.


Os gnomos realizaram uma corrida de aparelhos de cortar a grama, entre Gnomeu e Teobaldo (componente dos Gnomos Vermelhos). Apesar da agilidade de Gnomeu, ele acabou perdendo a corrida.

Naquela noite, Gnomeo e seu melhor amigo Benny se infiltraram disfarçadamente no jardim dos Gnomos vermelhos. Benny pinchou o poço de Teobaldo (como forma de vingança por terem perdido a corrida) e acidentalmente disparou o alarme de segurança. Nesse momento, Julieta estava a procura de uma bela rosa, em um jardim abandonado da vizinhança. Ela havia se disfarçado e seu objetivo era pegar a flor para mostrar a seu pai que era capaz de fazer outras coisas, alem de ficar no seu pedestal. 

Durante a fuga do jardim dos vermelhos, Gnomeu foi para o mesmo jardim onde Julieta estava. E ambos se encontraram pela primeira vez, junto a flor procurada pela Julieta, foi amor a primeira vista entre os dois.

Ela acaba por tropeçar sem querer em Gnomeu na cena seguinte. 

Julieta se apresenta a Gnomeu, e tentar pegar a flor que almejava, já que agora está nas mãos de Gnomeu. Nesse momento acontece uma disputa romântica entre os dois.

Até então, nem Gnomeu sabia que Julieta era uma gnomo vermelha, e nem Julieta sabia que Gnomeu era um gnomo azul. Os dois iam se beijar pela primeira vez. 

Mas o quase beijo foi interrompido quando caíram em um lago próximo a estufa. Foi neste instante que ambos se assustaram ao perceberem que Gnomeu era um gnomo azul e Julieta era uma gnomo vermelho.

Ambos se assustam e correm. Julieta retorna ao jardim dos gnomos vermelhos e diz para a sua melhor amiga Nanette (uma rã de jardim que esguicha água) que está apaixonada por um Gnomo azul (que no caso é Gnomeu). Nanette fica muito feliz mas afirma que a relação é "romanticamente trágica", pois se assemelha ao famoso romance "Romeu e Julieta". Julieta diz que não vai deixar que "as cores de sua roupa, separem ela de Gnomeu.

Para a felicidade de Julieta, Gnomeu se encontra as escondidas com Julieta, ainda naquela noite. Um confessa para outro, o amor que sentiam. Gnomeu traz consigo a rosa que Julieta estava querendo, e dá para ela.A rosa servia agora como simbolo do amor entre Gnomeu e Julieta.

Gnomeu combina com Julieta um primeiro encontro às 11h45 da manhã do dia seguinte. Ela aceita, e ia beijar Gnomeu, mas ambos não alcançaram os lábios um do outro, pois uma grade estava impedindo.

Era notório que realmente existia uma amor sincero entre Gnomeu e Julieta, mesmo pertencendo a famílias rivais. 

Mas mesmo assim, antes de Gnomeu ir embora, ela beija sua própria mão, e passa nos lábios de Gnomeu, ao mesmo tempo o empurrando para desentalar Gnomeu da grade.

Antes que Gnomeu perdesse o equilíbrio, ele segurou na mão de Julieta, e ambos enfim, se despediram um do outro.

No dia seguinte, Gnomeu e Julieta se prepararam ansiosamente para o encontro. Pontualmente às 11h45, os dois se encontraram na mesma estufa de anteriormente. No encontro, ambos se reencontraram. Porém eles ouviram um barulho saindo de um pequeno barraco abandonado presente naquele mesmo local. Ambos entraram, e estava muito escuro. Porém, Gnomeu tranquilizou Julieta, dizendo que ele estava do seu lado.

O casal encontra um velho cortador de grama dos anos 1950 e um simpático flamingo de plastico chamado Penaldinho, que mostrou para eles o cortador de grama já citado. Julieta demostra dua habilidade em dirigir o cortador de grama (mesmo que esta estava sendo a sua primeira vez, guiando um cortador de grama). Ela acaba formando no gramado, um coração, e dentro dele, estava formado um "G + J", sendo a letra G de "Gnomeu" e J de "Julieta".

Penadinho foi essencial para que encorajasse Gnomeu e Julieta a continuar com o relacionamento entre eles, mesmo que ambos pertencessem a famílias rivais. Sendo assim, ambos se conheceram melhor, ao se deitarem na grama.

Logo depois, Gnomeu e Julieta combinaram em se reencontrar no mesmo lugar novamente. De mãos dadas, ambos se despediram lentamente um do outro, e foram para os seus respectivos jardins.

Só que ambos encontraram problemas quando retornaram aos seus jardins. Julieta foi apresentada a um pretendente, escolhido pelo seu pai. Ela não estava interessada. No jardins dos azuis, Gnomeu encontrou sua mãe chorando, pois os Gnomos Vermelhos (especialmente Teobaldo) haviam destruído o tão amado floral plantado em uma privada. Isso tinha sido plantado pelo pai de Gnomeu, antes de morrer, ao se quebrar totalmente.

Pressionado pelos outros gnomos azuis, Gnomeu (mesmo contra uma vingança, principalmente por causa de seu amor por Julieta) arma um plano de vingança, que consistia destruir as tulipas dos gnomos vermelhos. Mas ele desistiu ao ver que Julieta havia o visto, e ficado decepcionada. Com isso ela corre com raiva, em direção mais uma vez, ao jardim abandonado. Gnomeu corre atrás dela, para explicar a situação. Penaldinho encontra os dois discutindo e tenta acalmá-los. Mas Gnomeu e Julieta acaba gritando com Penaldinho também. Penaldinho vai para o barraco, e Julieta junto com Gnomeu vão atrás dele para pedir desculpas.

É nesse instante que Penaldinho explica para eles que o ódio entre um antigo casal de apaixonados, havia tomado a paixão de Penaldinho para sempre, que era um flamingo fêmea de plastico, muito parecido com ele.

Gnomeu, preocupado com a possibilidade de acontecer a mesma coisa entre ele e Julieta, pede desculpas a Julieta e pede para ela ficar com ele no jardim para sempre. 

Como sinal desse amor, ambos plantaram aquela flor pega na estufa anteriormente, e fizeram juras de amor um para o outro.

Quando Gnomeu e Julieta iam pela 3ª vez tentarem se beijar, foram avistados pelo melhor amigo de Gnomeu, que é o gnomo Benny.

Benny corre mas é surpreendido por Teobaldo (lembrem-se que ele é o gnomo vermelho) que quer destruí-lo com o cortador de grama. Gnomeu intervém e luta com Teobaldo, em cima do cortador de grama, que estava desgovernado. Gnomeu tenta avisar Teobaldo que o cortador de grama ia se chocar em um muro mas Teobaldo não acredita. Gnomeu se salva, mas Teobaldo não conseguiu e se quebrou em vários pedaços.

Os gnomos vermelhos tentam atacar Gnomeu, achando que ele foi o culpado, mas Julieta aparece e tenta defender Gnomeu, dizendo que o ama. O problema é que Gnomeu acaba rolando para uma estrada de asfalto movimentada. De repente um som de algo quebrando é escutado, e todos os gnomos azuis e vermelhos olham e vê algo de porcelana totalmente quebrado e despedaçado. Julieta e a mãe de Gnomeu começam a chorar pensando que era Gnomeu que tinha sido quebrado, mas na verdade o que havia quebrado era um bule de chá de porcelana. Ninguém havia visto, mas Gnomeu havia se salvado.

Gnomeu está prestes a voltar para o jardim dos gnomos azuis, mas é pego pelos dentes de um buldogue, que o leva para um aterro. Depois ele é encontrado por um grupo de adolescentes, que começa a brincar com ele, mas acaba ficando preso no alto de uma estátua de William Shakespeare.

Enquanto isso, o pai de Julieta não tem outra alternativa a não ser prender Julieta no alto de seu pedestal com cola forte. Ele diz que só fez isso, para não acontecer o mesmo que aconteceu com a mãe de Julieta, e recentemente com Teobaldo. Julieta está em prantos pela suposta morte de Gnomeu, assim como todos os gnomos azuis no jardim dos gnomos azuis, que fizeram um lindo memorial, homenageando Gnomeu.

Só que como já havia revelado, Gnomeu não havia morrido, e estava no alto da estátua de William Shakespeare. O problema é que ele havia perdido o equilíbrio e ia cair no chão, se não fosse salvo pelo Penaldinho.

Quando Gnomeu retorna ao jardim, ele fica chocado ao ver que os gnomos azuis estavam brigando com os gnomos vermelhos, ao arruinar o jardim um do outro. Julieta ainda estava presa em seu pedestal e ainda com o coração partido por acreditar que o seu amor Gnomeu estava morto. Mas ela ficou feliz ao vê-lo vivo. Porém a alegria dura pouco, quando um enorme cortador de grama sai do controle e vai em direção ao pedestal de Julieta.

Todos os Gnomos param de lutar entre sim, e tentam se salvar. Gnomeu tentou libertar Julieta do pedestal, mas não estava adiantando. 

Julieta pediu para Gnomeu se salvar, mas ele não quis, pois a amava, e preferia morrer ao seu lado, do que deixa-la. Ambos se beijaram apaixonadamente pela primeira vez (e provável ultima vez) antes que o cortador de grama atingisse em cheio o pedestal, supostamente matando Gnomeu e Julieta.

Todos os gnomos ficam muito tristes com a suposta morte de Gnomeu e Julieta. Lorde Tijolinho (pai de Julieta) e Lady Azulejo (mãe de Gnomeu) que são os respectivos líderes dos gnomos vermelhos e azuis decidem acabar com a rivalidade entre eles, devido a grande tristeza que sentiam pela morte de seus filhos.

Em seguida, Gnomeu surge milagrosamente entre os escombros e ajuda a sua amada Julieta a se levantar.

Para a alegria de todos os gnomos azuis e vermelhos, Gnomeu e Julieta estavam vivos!

Em seguida, Gnomeu e Julieta ficam de mãos dadas e compartilham mais um apaixonante beijo.


Gnomeu e Julieta se casam, e a paz está selada entre os gnomos vermelhos e azuis, que nunca mais voltaram a brigar entre si.

Todos estão alegres e felizes com o casamento de Gnomeu e Julieta, inclusive Teobaldo, que agora está vivo, graças a todos os cacos que foram recuperados e juntados.

O filme termina com Gnomeu e Julieta montados em um cortador de grama na cor roxa (que é a mistura entre as cores vermelha e azul, claro sinal de que os gnomos não são mais rivais) compartilhando mais um beijo romântico, e indo para a lua de mel.

Paz selada entre famílias e umc asamento muito feliz. Realmente essa história terminou com um final perfieto. Vamos agora ao  casal desse especial. Com certeza é um casal nada comum: um ser humano e uma filha de vampiro! Conheçam eles agora:

Hotel Transilvânia - Jonathan e Mavis

Jonathan é um típico jovem de 21 anos, que curte uma boa aventura. Muito confiante, não perde tempo em casa, mas sim, viaja pelo mundo inteiro com a sua mochila. Sua curiosidade, vontade de viver e otimismo, são suas características mais marcantes, além de ser um rapaz que fala demais (talvez esse ultimo seja seu maior defeito); Porém seu otimismo e boa índole são capazes de permitir a Jonathan, a fazer grandes amigos aonde passe, e isso também aconteceu enquanto esteve pela primeira vez no Hotel Transilvânia.  
Outra grande característica da personalidade de Jonathan é a sua paciência com qualquer pessoa que conheça. Mesmo que ele pareça ser uma pessoa irritante e com pouca inteligência, suas características anteriores já citadas fazem com que ele seja muito respeitado, além de ser um homem de palavra, cumprindo todas as suas promessas, mesmo que ele não queira cumprir. Mesmo se aproximando dos 30 anos no segundo filme, Jonathan permaneceu o mesmo, embora tenha ganhado um lado mais dissimulado, graças ao nascimento de seu filho Dennis. Ele ama viver em Transilvânia, principalmente no Hotel gerido pelo Conde Drácula, que viria a se tornar seu sogro, graças ao casamento de Jonathan com a filha de Drácula: Mavis, no qual de fato, é o amor de sua vida. A aparência de Jonathan é muito simples: ele possui um cabelo ruivo desgrenhado, é um cara alto e magro, veste uma camiseta verde e amarela (apresar de não ser brasileiro), usa uma camisa de manga longa de cor alaranjada por baixo da camisa verde e amarela, bermuda bege e um tênis. A cor de Jonathan é branca, e as cores de seus olhos são castanho claro, assim como o do seu cabelo. 

Mavis é uma bela vampira de 118 anos teimosa, inteligente, curiosa, independente, muito sincera, amável e gentil. Boa parte do tempo sua fala é mansa, além de ser uma moça muito inocente. Mavis quer adquirir um pouco de independência e confiança de seu pai (o Conde Drácula) e, muitas vezes acaba ficando entediada dentro do Hotel, que Drácula havia construído para abrigar todos os monstros do mundo e principalmente sua única filha (que é Mavis) dos humanos. Ela sonha em explorar o mundo e experimentar todas as imagens e sons que o mundo tem para oferecer, e tudo se torna realidade quando ela conhece Jonathan.

Ela também está sempre disposta a ajudar alguém, mesmo que sua própria vida esteja em perigo. No segundo filme, depois de se tornar uma mãe, e agora com 125 anos, Mavis começa a adotar algumas novas características como ser uma mãe super protetora e muito apegada a Jonathan (que agora é seu esposo) e principalmente pelo seu filho (Dennis), raramente deixando-o de lado e querendo se mudar para a Califórnia com Jonathan e Dennis, a fim de seu filho possa crescer em um ambiente seguro e com outras crianças ao lado dele. Ao contrário de seu pai, ela não se importa que Dennis não fosse um vampiro e o aceita pelo que ele é...mas fica muito feliz quando descobre que Dennis é um híbrido (é um humano, misturado com vampiro), perto do final do segundo filme. 

Mavis tem pele clara, belíssimos olhos azuis e um cabelo curto preto com franja. Ela usa um vestido de gola alta preta com longas luvas sem dedos, calças listradas nas cores pretas e vermelhas. Ela usa um batom preto combinado com suas unhas. Assim como seu pai Drácula e como todo vampiro, ela aprendeu a habilidade de se transformar em morcega, e pode fazer isso na hora que quiser.

O filme Hotel Transylvania (No Brasil: Hotel Transilvânia) lançado em 2012, começa a história em 1898, e mostra o grande carinho e apreço de Drácula pela sua única filha Mavis, desde quando ela era bebê. Sendo um pai divertido, engraçado e super protetor desde a morte de sua esposa Martha, ele faz com que ela tema os humanos. Enquanto ensinava Mavis a voar (os dois estão tranformados em morcegos), ele recebeu a notícia de que a construção do seu luxuoso e de 5 estrelas Hotel Transilvânia havia ficado pronto. Serviria perfeitamente como um santuário onde Drácula poderia criar sua filha em paz e para abrigar todos os mais variados monstros do mundo nas férias. O filme avança para o ano de 2012, mostrando monstros de todo o mundo chegando para o aniversário de 118 anos de Mavis, que assim como o pai, não envelhece, estando com uma aparência de uma jovem de 18 anos. Como presente, Drácula permite que Mavis vá a uma aldeia de humanos nas proximidades por 30 minutos, coisa que ele havia prometido a Mavis fazer 30 anos antes. Só que isso fazia parte de um plano feito por Drácula. Acontece que Drácula disfarçou seus mordomos zumbis em humanos para assuntar Mavis e fazer com que ela ficasse ao lado de Drácula, protegida para sempre. E acabou dando certo.

Mas tudo mudou quando mais tarde, Drácula ficou chocado ao avistar a entrada de um jovem ser humano no Hotel. Drácula rapidamente tenta prender o tal ser humano na porta giratória do hotel, fazendo a ele algumas perguntas. O jovem se apresenta dizendo que seu nome é Jonathan. Drácula tenta se livrar de Jonathan, mas não dá certo, pois tem muitos monstros no Hotel. Drácula não poderia matar Jonathan pois – segundo palavras do próprio Drácula – “não seria politicamente correto”. Então ele resolve disfarçar Jonathan em um membro da família Stein (a mesma do famoso monstro Frankstein).

Em seguida, Jonathan acaba esbarrando em uma vassoura voadora, que está sem controle, e acaba colidindo de frente com Mavis. Quando os dois se olham pela primeira vez, acontece o que é nomeado no filme como “ZING!” (na tradução brasileira, esse termo recebeu o nome de “Tchan!”). Esse “Zing” (ou Tchan!) é um sentimento especial acontece uma vez na vida, quando uma pessoa encontra o amor de sua vida. Uma rápida luz rosa brilha nos olhos das tais pessoas. E de fato, quando Mavis e Jonathan se viram pela primeira vez, foi amor a primeira vista.



Mavis pergunta quem é o rapaz misterioso, e Drácula obviamente inventa uma história, dizendo que Jonathan é uma pessoa que ele recrutou para melhorar a festa de aniversário já que Jonathan e Mavis “tem a mesma idade”. Mais tarde, quando Drácula tentava arrumar um jeito de Jonathan ir embora sem que ninguém percebesse, eles acabam encontrando Frank (um frankstein), Murray (uma múmia), Griffin (um homem invisível) e Wayne (um lobisomem) que são grandes amigos de Drácula. Frank pondera sobre quem é Jonathan, e ele responde que é o primo do braço de Frank, que fica cético no início sobre isso, mas depois fica muito feliz por saber que “tem um primo”. Frank, Murray, Griffin e Wayne estavam tentando compor uma musica, e Jonathan então criou uma canção para Mavis, impressionando ela e a multidão de monstros, que começara a dançar.


Mais tarde na piscina, é notório que Mavis está gostando da companhia de Jonathan, que está em êxtase e muito empolgada ao ouvir sobre as viagens que Jonathan fez em várias partes do mundo. 

Porém, Drácula mais uma vez chama Jonathan e ordena que ele simule uma lesão nas costas para poder ir finalmente embora. Mais tarde, Drácula leva Jonathan para a fronteira do cemitério próximo ao Hotel, e ordena para que Jonathan vá embora. Por sua vez, Jonathan se defende, dizendo que desde que ele chegou, a festa de Mavis estava enfim ficando divertida. Drácula tenta usar seu poder de hipnotismo para fazer com que Jonathan esqueça a localização do Hotel e nunca mais volte, no entanto ele falha, pois Jonathan estava usando lentes de contato. Drácula ordena que Jonathan vá embora e nunca mais volte.

Só que em seguida, Mavis se encontra mais uma vez com Jonathan e o convence a ir com ela ao telhado do Hotel. Jonathan fica encantado com a visão, e diz que dali onde estavam podiam ver uma cidade americana chamada Budapeste. Mavis fica impressionada com o conhecimento de Jonathan sobre o mundo e fica um pouco triste sobre o fato de nunca ter ido a lugar nenhum além do Hotel. Quando Jonathan vê que Mavis está observando de forma impressionada o nascer do sol (é o primeiro nascer do sol que Mavis está vendo em 118 anos de vida), ele segura carinhosamente nos braços de Mavis para que discretamente ela recue a sua posição para que ela não seja queimada pelo sol (já que a mesma é uma vampira).

Mais comenta que o nascer do sol é a coisa mais incrível que ela já viu. Só que o momento a sós entre Jonathan e Mavis foi interrompido quando ele caiu ao pisar em uma parte fraca do telhado, pousando sobre Drácula, que estava na sauna com seus amigos.

Ainda ranzinza com a presença persistente de Jonathan no Hotel, Drácula ordena que ele apenas arrume as mesas do salão de festas para a festa de Mavis. Jonathan descobre que as mesas são mágicas, e que se movem através do comando de voz, e decide flutuar em uma delas. Irritado, Drácula trava a mesa, fazendo com que Jonathan caia. É a partir desse momento, que Drácula e Jonathan começam a se dar bem, e começam a rir/divertir ao montarem nas mesas flutuantes e apostarem corridas ou fazer perseguição um com o outro. 

No entanto, Jonathan desaparece, e Drácula vai procura-lo. Para seu azar, ele se encontra com Mavis, que também estava procurando Jonathan. Em seguida Drácula perguntou pra Mavis se ela gostava de Jonathan, ao que ela responde sem jeito que acha ele “adorável”. Drácula tenta convencer Mavis de que não existe amor na idade dela, mas ela lembra Drácula que sua falecida mãe tinha se apaixonado por ele na mesma idade que Mavis tem atualmente. Mavis está convencida que vai se casar já que não pretende viver no Hotel para sempre. 

Minutos depois, Drácula descobre que o cozinheiro do Hotel de nome Quasímodo sequestrou Jonathan para servi-lo na janta. Para a sorte de Jonathan, Drácula interveio e usou seu poder de congelar para paralisar o cozinheiro. Depois desse episódio, Drácula e Jonathan começam a rir, e de fato agora, não estão mais brigando. É nesse instante que Drácula revela um segredo bem intimo para Jonathan, sobre a morte de sua esposa e do porque querer proteger tanto a  sua filha. Drácula explica para Jonathan que os seres humanos mataram sua esposa, e que construiu o Hotel para abrigar Mavis deles. Ele ainda diz para Jonathan que Mavis está apaixonado por ele, e pensa que o relacionamento entre eles poderia ser possível se o mundo fosse diferente, já que Drácula percebeu que Jonathan é uma boa pessoa.

Jonathan explica para Drácula que as pessoas do século XXI são diferentes, e após analisar toda a história de Drácula muda de ideia e decide deixar o Hotel. No entanto, Drácula o convence a ir embora depois da festa, e alegrar Mavis em seu aniversário. Naquela noite, todos os hóspedes estão no salão de festas e dizem a Drácula que a festa está muito boa. Drácula se junta a multidão e começa a dançar, para delírio de todos. Enquanto isso, Mavis e Jonathan estão dançando freneticamente, quando de repente Mavis para e olha apaixonadamente para Jonathan, que a olha também.

Ela começa a ir devagar com o semblante de menina apaixonada em direção a Jonathan, que parece recuar.

Ela chega ainda mais perto de Jonathan, ao ponto de ficarem bem próximos, ainda com Jonathan meio receoso.

Até que o inevitável acontece, Mavis beija Jonathan, que parece meio desconfortável no início, mas depois parece que gosta do beijo.

Drácula olha olha chocado e cerca Jonathan, acreditando que ele que beijou Mavis. Ao fundo podemos observar Mavis satisfeita com o seu primeiro beijo

Mavis revela que quer dar mais uma chance ao mundo exterior, depois de ter sido inspirada pelas varias viagens que Jonathan fez. No entanto, Drácula acidentalmente revela que ele havia construído a cidade que ela visitou na noite anterior, para assustá-la e fazer com que ela ficasse no Hotel. Mavis fica muito chocada ao ouvir isso, e fica decepcionadíssima com o seu pai. Para piorar a situação, o cozinheiro Quasímodo, mesmo ainda paralisado, consegue revelar que Jonathan não era um monstro, mais sim um humano, para desespero de todos os monstros que começam a sair correndo.

Mavis olha de forma a parecer decepcionada com Jonathan.

Mas para surpresa, Mavis abraça Jonathan dizendo que não se importava que Jonathan fosse um humano, e revela que mesmo assim ama ele. 

Embora muito feliz e satisfeito em ouvir isso, Jonathan olha e observa Drácula preocupado. Nesse momento Jonathan lembra do desejo de Drácula em manter Mavis segura, e tem uma difícil decisão. Para manter Mavis no Hotel, Jonathan mente para Mavis, dizendo que não a ama, dizendo que odeia monstros. Antes de voar para o seu quarto, de forma irritada Mavis culpa Drácula.

Mais tarde, Drácula vê Mavis no telhado, ainda muito triste. Mavis pede para Drácula apagar Jonathan da sua memoria, mas ele se recusa. Mavis mostra a Drácula o livro que Martha havia deixado, para que Mavis só abrisse quando completasse 118 anos. Nesse livro mostra como Martha e Drácula se conheceram e como aconteceu o "tchan!" (ou "Zing!", como queiram) entre eles. Mavis revela que pensava que tinha ocorrido o mesmo sentimento entre ela e Jonathan, e completa de coração partido que não há mais razão para deixar o Hotel. 

Drácula percebe que arruinou a única chance de Mavis ter seu amor verdadeiro. Com isso ele pede ajuda de Frank, Murray, Griffin e Wayne para trazer Jonathan de volta. Apesar de não aceitarem de primeira, eles acabam ajudando. Com a ajuda do super faro de uma das filhas de Wayne, chamada Winnie (vamos falar muito dela no próximo casal desse especial, aguardem!), ela deduz que Jonathan vai deixar a Transilvânia em um voo comercial das 8h da manhã.

Drácula gentilmente agradece a doce Winnie, e junto de Frank, Murray, Griffin e Wayne vão ao aeroporto, já que faltam apenas 15 minutos para o voo de Jonathan decolar. Eles tem que passar no meio da cidade com humanos, mas ficam surpresos quando percebem que os humanos não mais os odeiam, mas sim, acham os monstros incríveis, e até o idolatram. Tanto que até estava acontecendo um festival dedicado a eles, principalmente a Drácula. Frank explica que Drácula precisa chegar ao aeroporto, e várias pessoas usam suas capas para proporcionar sombra para Drácula em todo o caminho para o aeroporto.

O voo de Jonathan ergue o voo, mas Drácula não desiste. Transformado em morcego em plena luz do dia, sem proteção pois o sol estava o queimando aos poucos, e arriscando a sua vida, voo em direção ao avião. Jonathan vê Drácula pela janela, mas eles não conseguem se ouvir. Então Drácula usa mais um dos seus poderes de hipinose para se comunicar pelo piloto da aeronave, explicando para Jonathan que cometeu um erro terrível ao separar ele de Mavis e que Drácula quer ver ela feliz, ao lado de quem ela ama, que é Jonathan. O avião retorna ao aeroporto, ainda sendo guiado por telepatia, controlando um dos pilotos.

Em seguida, já perto do final do filme, Drácula aparece no quarto de Mavis pela janela, com muitas queimaduras. Mavis fica preocupada, mas Drácula começa a se regenerar aos poucos. Enquanto isso acontecia, ele explica para Mavis que pensou que seria terrível chegar no dia em que Mavis deixasse o Hotel, no enquanto agora sabia que ver a infelicidade dela era ainda pior. Em seguida ela dá a Mavis uma mochila de viagem rosa como presente de aniversário. Mavis pergunta para Drácula o que ela iria querer com isso. Para a surpresa dela, Jonathan está pendurado na mochila!

Jonathan explica para Mavis que o "Zing!" (ou "tchan!", vocês decidem) que ela havia sentido por ele era mútuo, e que a razão para que ele dissesse anteriormente que odiava monstros, era porque Drácula iria chupar o seu sangue, caso não fosse embora. Comicamente, Drácula nega, mas depois confessa que sim. Em seguida, Drácula diz para Mavis (emocionada) que ela deve procurar a sua felicidade, ao lado de Jonathan. Mavis e Jonathan tentam se beijar, com Drácula observando com felicidade ao fundo.

Porém Drácula interrompe com um voraz grunhido. Mas prontamente se desculpa, e deixa os dois as sós. Enfim os dois se beijam.

A câmera faz um corte, onde os dois também estão se beijando, dessa vez, na festa de aniversário de 118 anos de Mavis.

O filme se encerra com um rap sobre o "zing!" (ou "tchan!"). Drácula, Mavis, Jonathan e os amigos de Drácula começam a cantar juntos o rap.

O filme se encerra com todos flutuando nas mesas mágicas, encerrando assim esse filme.

Na sequência Hotel Transilylvania 2 (No Brasil: Hotel Transilvânia) de 2015, a relação entre Jonathan e Mavis evolui para um casamento, já no começo do filme. Nesse dia especial, vários monstros e pessoas foram convidados, incluindo a família de Jonathan. A cerimônia se inicia e Jonathan e Mavis vão para a troca de alianças. Drácula está visivelmente emocionado pela sua filha estar se casando.

Tudo estava indo muito bem, porém na hora do beijo, Drácula comicamente coloca uma cabeça design na frente dos dois, na hora do beijo, e só permite um rápido beijo entre Mavis e Jonathan.

Mavis e Jonathan estavam dançando juntos, quando cada um foi dançar com uma pessoa diferente: Mavis com o seu pai (de ponta cabeça no teto) e Jonathan com sua mãe.

Em seguida, Drácula canta para o feliz casal, uma musica que costumava cantar para Mavis quando era pequena, mas dessa vez, com uma nova versão, felicitando a união entre Mavis e Jonathan.

Logicamente, que Mavis e Jonathan gostaram.

Há uma rápida passagem de tempo no filme, no qual vão para um ano depois. Jonathan e Mavis vivem no Hotel (agora aberto para visitas humanas) e vão aonde Drácula está pintando um quadro. 

Mavis pergunta a Drácula se ele não quer voar com ela, em forma de morcegos, Drácula prontamente aceita. Jonathan parece ansioso e feliz com alguma coisa; Drácula desconfia, mas Mavis diz que não é nada.

Drácula e Mavis começam a voar alegremente pelas nuvens. De repente Mavis e Drácula começam a brincar de esconde-esconde entre as nuvens. No entanto, ela está assentada em uma nuvem, com a respiração pesada. Drácula pergunta se está tudo bem, ela responde que sim e revela que está...grávida! Drácula nem percebe de primeira, mas aí ele pede para Mavis repetir, provavelmente ainda cético pela gravidez de sua filha. Então Mavis revela o seu ventre!

Tomado de surpresa e alegria, Drácula voa diretamente para cima e rompendo as nuvens, grita com muita felicidade que "vou ser vovô!!!".

Mais tarde, Jonathan acaricia o ventre de Mavis (que está em repouso), muito ansioso pela chegada do seu filho, ou filha.

Mais uma rápida passagem de tempo acontece no filme, e após nove meses, numa exata sexta-feira dia 13, nasce um menino saudável. Não se espantem com a enfermeira na imagem abaixo, é apenas Drácula disfarçado de enfermeira.

Os Mavis e Jonathan decidem chamar o menino de Dennis, nome do avô paterno de Jonathan. Acontece outra passagem de tempo no filme, no dia do aniversário de 1 ano de Dennis.

As primeiras palavras de Dennis são ditas, para a alegria de Drácula. Só que ele se frustra um pouco quando o Dennis diz "blah, blah, blah", curiosamente sendo essa uma referência direta ao próprio Drácula, sendo uma marca registrada dos fãs de Drácula, pelo fato do seu falatório extenso.

Mais uma vez, acontece outra passagem de tempo no filme (a maior de todas até agora, e a ultima também). Dessa vez, se passam 4 anos, e Dennis agora é um saudável garotinho de 5 anos. Drácula ainda acreditava que Dennis tinha habilidades de vampiro, mas até então nada mostrava isso, pelo contrário, Dennis parecia ser um garotinho normal. Enquanto Dennis ficava com o seu avô Drácula, Jonathan e Mavis tinham que viajar para a terra onde Jonathan nasceu: Santa Cruz, na Califórnia, para visitar os pais de Jonathan. Mavis estava pensando em se mudar com Jonathan e Dennis para a cidade, para que Jonathan tivesse uma infância normal, como qualquer outra criança de sua idade, ao lado de crianças humanas, apesar de Jonathan e Drácula serem contra essa ideia.

Uma vez lá, Mavis estava adorando tudo, inclusive demostrando sua incrível habilidade em uma bicicleta em rampas e até em um fio de eletricidade. Só que algo estava incomodando ela. Mavis explica que ela estava se sentindo estranha (principalmente com o tratamento estranho dos pais de Jonathan, apesar da boa intenção deles). Ela diz a Jonathan que seria melhor para Dennis crescer em Santa Cruz, para ele não se tornar - segundo palavras dela - uma aberração, como ela. Jonathan consola Mavis, dizendo que ela que ela não é uma aberração. Ele diz que ela é cheio de vida e curiosa sobre tudo, e que, se Dennis crescer igual a ela, se tornaria o pai mais sortudo do mundo. 

Mavis sorri e já se sentindo melhor, diz a Jonathan que ela o ama, e depois o abraça. Em seguida ela diz que ela, Jonathan e Dennis serão felizes, não importando onde vivam, contanto que estejam juntos. 

Acontece muitas outras coisas no filme, mas como o fico aqui é o casal, vou pular para o final, onde Mavis decide por continuar a viver no Hotel Transilvânia, ao lado dos amigos e da família, onde com certeza serão muito felizes.

Como vocês viram, a relação de amor entre Jonathan e Mavis é longa, mas muito bonita. Desejamos sorte a essa família. Mas no mesmo filme, especificamente ainda no segundo, nasceu uma provável futura relação amorosa entre duas crianças! Conheçam o  casal desse especial:


Hotel Transilvânia - Dennis e Winnie

Dennis é um garoto híbrido (mistura de ser humano com vampiro) de cinco anos. Suas características mais marcantes é ser um menino doce, gentil, amoroso e fã de aventura. Muito dessa personalidade (e aparência) herdou de seu pai Jonathan. Dennis ama muito a sua família, e parece entender tudo o que acontece em sua volta, até mesmo sobre assuntos específicos pensados pelos adultos, como por exemplo o fato de seu avô Drácula e seu bisavô Vlad estarem com desejo de que Dennis nascesse vampiro. Dennis também é muito inteligente para a sua idade, pois foi capaz de se auto prender na cadeirinha de segurança para criança e de abrir o seu abacate, sem precisar de qualquer ajuda de um adulto. Mas é logico que Dennis na maioria do tempo, é uma criança comum, como qualquer outra. Sua mãe Mavis é muito protetora com ele, pois foi capaz de colocar vários protetores para bebê em todo o Hotel. Jonathan cuida de Dennis como qualquer bom pai faria, mas em certos momentos parece que tem menos autoridade do que Mavis, em relação a Dennis. Porém, como Jonathan adora viver no Hotel, ele está sempre disposto a cooperar com Drácula em treinar Dennis a despertar o lado monstro de Dennis. Drácula é o avô de Dennis, e assim quando ele nasceu, Drácula prometeu a Dennis que nada ia acontecer com ele. Dennis adora chamar Drácula de "Vovô Drac", e Drácula adora ouvir isso. A relação entre ele e Drácula, realmente é muito forte. Vlad é o bisavô materno (ou seja, avô da falecida esposa de Drácula, Martha). No início não aceitava o fato de que Dennis talvez não pudesse ser um vampiro, mas com o decorrer do filme aprendeu a amar o bisneto do jeito que ele é, não importando os seus atributos.

Dennis possui um cabelo vermelho, olhos azuis e é uma combinação perfeita de seus pais: O lado humano/aventureiro/curioso/gentil de seu pai Jonathan e o lado vampiro/calmo/desbravador de sua mãe Mavis. Ele veste uma camiseta esportiva muito semelhante a do seu pai, com um numero "4" no centro e calças também muito semelhantes a de Jonathan. De acordo com os criadores da animação, Dennis herdou também os belos olhos de sua mãe e os encaracolados e espantosos cabelos de seu pai.

Winnie é uma fofa lobisomem criança, provavelmente um ou dois anos mais velha que Dennis. Com relação aos seus 300 irmãos, ela parece que é a unica calma e obediente no primeiro filme (Hotel Transilvânia, de 2012), basicamente chupando a sua chupeta e falando apenas o necessário. É a unica criança que respeita o seu pai Wayne, sem contar que é a unica do sexo feminino. No segundo filme (Hotel Transilvânia 2, de 2015) ela é uma menina mais falante e brincalhona, já que agora está um pouco mais velha em relação a sua rápida aparição no primeiro filme. Winnie também demostrou ser muito corajosa, perspicaz, leal e muito gentil. Apesar de ser geralmente calma, quando provocada (principalmente em relação a sua amizade marcante com Dennis) demostra o seu lado agressivo: rosnando e mostrando seus afiados e numerosos dentes. Possui uma fantástica habilidade de faro, pois consegue com apenas um cheiro descrever onde estava Jonathan, o que ele estava fazendo, para onde ia, por onde havia passado, o modelo do avião onde Jonathan estava e até mesmo a refeição que ele ia pedir na viagem. Incrível, não?

Winnie tem a pelagem marrom escuro/preto, tem um cabelo castanho escuro com duas tranças. Suas orelhas possuem duas perolas, usa uma camisa rosa para bebês com um desenho de um crânio no centro. Seus olhos são azuis e anda descalça, assim como o seu pai e todos os seus 300 irmãos.

No filme Hotel Transilvânia 2 (2015), percebemos logo de cara a grande afeição entre Winnie e Dennis. No aniversário para seis dos 300 irmãos de Winnie, ela estava muito ansiosa para ver Dennis. Quando o viu, ela pulou em cima dele e comeu a lambê-lo, sendo esse o seu modo de dizer que estava muito feliz e contente em vê-lo. Por sua vez, Dennis morria de rir com as cócegas feitas por Winnie, através do seu gesto afetivo de lambê-lo.

Em seguida o abraçou, e de primeira disse que ele era "o seu tchan" (zing, na versão americana). Isso demostra que talvez, Winnie considera Dennis muto mais do que amigo.


Logo depois começou a elogiar o vistoso cabelo de Dennis, alisando ele semelhantemente a uma criança fazendo um anjo de neve.


Em seguida ainda muito empolgada, voltou a lamber Dennis, que mais uma vez, começara a rir. Ela também demostrou tristeza quando havia chegado a hora de Dennis ir embora para casa.

Dias depois, dessa vez no aniversário de Dennis, enquanto Dennis brincava de super-herói com sua capa preta, presenteada pelo seu avô Drácula, Dennis foi mais uma vez surpreendido pela lambidas empolgadas de Winnie.


Como anteriormente, Winnie demostrou grande felicidade ao ver Dennis, e Dennis mais uma vez ria sem parar com as cócegas de Winnie.


Só que nessa cena, teve uma diferença. Os primos de Dennis (por parte de mãe) estavam tirando sarro de Dennis por "ter sido derrubado por uma menina". Antes que Dennis ficasse chateado, Winnie o defendeu, rosnando e latindo com grande raiva para os primos de Dennis, que se assustaram e saíram em seguida. Era notório a satisfação no semblante de Dennis por ter sido protegido por Winnie.


Quando Dennis foge, Winnie vai com ele e leva-o a uma casa na árvore para se esconder de sua família discutindo. Ela traz-lhe um pombo morto para comer (o que ele não faz) e menciona como ela planeja fazer pós-graduação de negócios e iniciar uma empresa. 

Em outro instante do filme, quando Dennis estava com seu avô Drácula, Drácula brincou com Dennis, perguntando sobre "a sua amiguinha lobisomem". Dennis ficou meio sem jeito e sorrindo disse que ele "era apenas amigo dela".

Mais na frente, Dennis ficou chateado ao ver Drácula e Vlad discutirem  se ele ara ou não um vampiro de verdade. Drácula defendia Dennis, dizendo que ele "é um neto amoroso, gentil e muito especial", mas Vlad ainda demostrava insatisfação. Vendo essa discussão, 
Dennis foge, e Winnie vai atrás dele. Para consolá-lo, Winnie leva Dennis a sua casa na árvore. Ela traz para Dennis um pombo morto para comer (mas logicamente ele não come) e menciona que ela planeja fazer pós-graduação em negócios e abrir uma empresa. 

Em seguida Dennis fala sobre sua preocupação sobre o fato de que talvez não fosse aceito se fosse apenas um humano. Winnie subiu em cima dele, e o elogiou, dizendo que gosta dele do jeito que ele é. Dennis fica muito contente ao ouvir isso.


Porém a conversa entre os dois é interrompida por Bella,uma assustadora serva de Vlad que quebra o teto e assusta Dennis e Winnie. Ambos ficam abraçados, morrendo de medo de Bella,

Pouco depois, Winnie demostra coragem e (provavelmente mais uma vez para defender Dennis), morde Bella. Com muita raiva, Bella joga Winnie no chão a machucando.  

Vendo que Bella havia machucado Winnie, Dennis é tomado pela primeira vez por uma intensa raiva.


Essa raiva faz com que apareça as presas de vampiro entre os dentes de Dennis. 

Em seguida, Dennis ruge de forma furiosa, de tal forma que faz com que Bella seja lançada pela longe. Todas as habilidades de vampiro de Dennis finalmente aparecem, graças a preocupação de Dennis por Winnie, e principalmente para proteger Winnie.


Na cena seguinte, Dennis ajuda Winnie a levantar. Em seguida, de mãos dadas com Winnie, pergunta se ela está bem. Winnie responde que sim, e repete mais uma vez, que Dennis "é o seu tchan!" ("zing!", na versão norte-americana). Nesse momento, Dennis e Winnie trocam (por um breve momento) olhares românticos. 

Após se transformar em vampiro, Dennis usa os seus vários poderes (transformar em morcego, possuir super-força, super-velocidade, visão de longo alcance, telecinese e poder de congelamento) para derrotar os aliados de Bella, ao lado de sua mãe Mavis e do seu avô Drácula. Vejam ele se transformando em morcego e dando um monte de socos em Bella:

Dennis usou sua visão de longo alcance para notar que os aliados de Bella estavam chegando.

Outro poder adquirido por Dennis foi a sua capacidade de congelar qualquer coisa em movimento. E de quebra, salvou os seus primos humanos que debocharam de Dennis, enquanto ele estava com Winnie, lembram?

Essa cena abaixo, ficou excelente, pois vemos Dennis, ao lado de sua mãe Mavis e de seu avô Drácula (transformados em vampiros) derrotando uma legião de vampiros aliados de Bella.

Quase no fim do filme, vemos mais um vez Winnie demostrar o seu afeto por Dennis, ao lambê-lo. E nas ultimas cenas do filme, vemos Dennis dançar ao lado de Winnie, provavelmente sua paixão, num futuro não tão distante.

É algo histórico! Dennis e Winnie é o segundo casal mais jovem da história desses 13 especiais sobre casais de desenhos animados, feitos até hoje pela Trivial Diário desde 2014! Mas, queremos deixar bem claro que não queremos dizer aqui que de fato Winnie e Dennis são apaixonados um pelo outro, até porque eles são apenas crianças. Mas com toda certeza, quando ambos atingirem a juventude, provavelmente serão namorados. Vamos aguardar. O  casal desse especial é:


O Cão e a Raposa - Tod (Dodó) e Vixey (Mirian)

Tod (na versão brasileira, o seu nome foi mudado para Dodó) é uma raposa, protagonista principal do filme de animação The Fox and the Hound (No Brasil: O Cão e a Raposa) de 1981. Tod (ou Dodó) quando filhote tinha uma grande amizade por um filhote de cachorro chamado Toby. Só que essa amizade não ia durar muito tempo, pois Cães e Raposas são inimigos. Desde pequeno, Tod (ou Dodó) era cuidado por uma bondosa e viúva senhora chamada Tweed, e foi assim até Tod (ou Dodó) crescer e se tornar um belo raposo jovem. Só que infelizmente, para a tristeza da viúva, ela teve que deixar Tod (ou Dodó) em uma reserva natural, pois o vizinho da viúva Tweed chamado de Samuel Guerra detestava raposas e quase havia matado Tod (ou Dodó) duas vezes. Tod (ou Dodó) tinha ficado profundamente triste, mas viu a sua sorte mudar, quando ele conheceu o amor de sua vida.

Quando filhote, Tod (ou Dodó) era uma raposa doce e amável, principalmente com a sua dona, a Viúva Tweed. Seu lado travesso o colocava em algumas situações cômicas. Quando Tod (ou Dodó) cresce e se torna um belo raposo jovem, ele mantém as suas qualidades de quando era criança. Sua lealdade para com aqueles que ele se preocupa foi tão grande que defendeu Toby de um grande e feroz urso, perto do fim do filme. Tod (ou Dodó) possui uma coloração avermelhada, com tons levemente alaranjados, e partes brancas (barriga e parte do focinho), uma espessa cauda nas cores avermelhada/alaranjada/preta e branca e olhos pretos. Seu corpo, por ser magro, o permitia ser habilidoso para correr ou saltar obstáculos.


Vixey (na versão brasileira, o seu nome foi mudado para Mirian) também é uma raposa, só que feminina. Tem uma bela aparência, não sendo a toa que Tod (ou Dodó) havia se apaixonado por ela. Por ter vivido a vida toda na floresta (ao contrário de Tod (ou Dodó) possui habilidades de caça mais aprimoradas do que Tod (ou Dodó). Vixey (ou Mirian) é muito carinhosa, engraçada e muito romântica, estando quase sempre de bom humor, menos quando é ofendida. 

Sendo da mesma espécie de Tod (ou Dodó), ela possui uma coloração avermelhada, com tons levemente alaranjados, e partes brancas (barriga e parte do focinho), uma espessa cauda nas cores avermelhada/alaranjada/preta e branca e olhos pretos.


Tod (ou Dodó) havia ficado órfão, pois sua mãe havia sido morta por caçadores. Em seguida, com a ajuda de uma experiente coruja chamada Mamãe Coruja, e de dois pássaros chamados Bruno e Dinky, fez com que o pequeno filhote de raposa fosse achado por uma bondosa viúva, que cuidou de Tod (ou Dodó), durante toda a sua infância até a idade adulta. O problema é que o vizinho da Viúva Tweed, chamado Samuel Guerra era um caçador, e já havia tentado matar Tod (ou Dodó) em duas oportunidades.

Toby (um cachorro) era o melhor amigo de Tod (ou Dodó) desde a infância, só que quando o melhor cachorro de Samuel Guerra (de nome Chefe) ficou gravemente ferido, por conta da perseguição feita a Tod (ou Dodó), Toby jurou se vingar Tod (ou Dodó), assim como Samuel Guerra disse que ia matar Tod (ou Dodó) na próxima vez.

Sem alternativas, a viúva mesmo com o coração partido teve que deixar Tod (ou Dodó) em uma reserva natural, para que Samuel Guerra não o matasse. Depois de ter passado uma noite terrível na floresta, Tod (ou Dodó) fica deprimido.

No mesmo instante, Mamãe Coruja estava procurando Tod (ou Dodó), mas acaba encontrando Vixey (ou Mirian), que é uma bela raposa fêmea, com a mesma idade de Tod (ou Dodó), que tem uma grande amizade com a Mamãe Coruja. Mamãe Coruja pede a ajuda de Vixey (ou Mirian) para ajudar a procurar Tod (ou Dodó). Quando o encontram, Vixey (ou Mirian) percebe que ele continua deprimido, e a Mamãe Coruja explica que Tod (ou Dodó) foi deixado na floresta sozinho, sem nenhum amigo no mundo. Vixey (ou Mirian) decide que gostaria de tentar animar Tod (ou Dodó), e Mamãe Coruja acha ótima a ideia. Mamãe Coruja pede para Vixey (ou Mirian) permanecer na posição que estava, pois estava deslumbrante. Mamãe Coruja tenta apresentar Vixey (ou Mirian) a Tod (ou Dodó).

Na primeira tentativa, ele ainda estava deprimido, que nem percebeu a presença da bela raposa. Na segunda vez, ele olhou para ela com olhar de espanto, pois nunca tinha visto nada bonito como Vixey (ou Mirian)


Ele fala apara a Mamãe Coruja que Vixey (ou Mirian) é muito bonita. Pela leitura labial do gif abaixo, percebe-se que ele disse algo como "She is very beautiful".


Tod (ou Dodó) decide se apresentar para Vixey (ou Mirian), ainda muito impressionado com a beleza dela.

Tod (ou Dodó) e Vixey (ou Mirian) começam a conversar para se conhecerem melhor. Mamãe Coruja observa tudo de longe, muito feliz por ver que as duas raposas estavam se dando muito bem.

Tod (ou Dodó) estava visivelmente apaixonado por Vixey (ou Mirian), tanto que nem estava apresentando muita atenção no que Vixey (ou Mirian) estava falando.

Só que em um momento, Vixey (ou Mirian) havia perguntado para Tod (ou Dodó) se ele sabia pescar. Para tentar impressioná-la, Tod (ou Dodó) tentou pescar um peixe que estava passando no lago. Infelizmente ele não conseguiu, e Vixey (ou Mirian) começou a rir dele. Envergonhado e visivelmente irritado, ele acabou ofendendo Vixey (ou Mirian).
Vixey (ou Mirian) não gostou nada de ser ofendida, e se recusou a falar com Tod (ou Dodó). Por sua vez, Tod (ou Dodó) também se recusou a falar com Vixey (ou Mirian).

Porém, enquanto a Mamãe Coruja cantava a canção “Aprecate the Lady” (musica que recebeu a tradução no Brasil de “Atraído”), Tod (ou Dodó) rapidamente tentou se desculpar com Vixey (ou Mirian) oferecendo a ela uma flor (notem na imagem abaixo que Vixey (ou Mirian) não aparenta mais estar zangada com Tod (ou Dodó)).

Na cena seguinte, Tod (ou Dodó) fica de frente com Vixey (ou Mirian) e oferece a flor mais uma vez para ela.

Vixey (ou Mirian) decide perdoar Tod (ou Dodó), e faz um carinho nele.

Só que de repete, Vixey (ou Mirian) fica envergonhada.

Porém dessa vez, Tod (ou Dodó) faz carinho em Vixey (ou Mirian) e ambos começam a ter um momento romântico.

Em seguida, Vixey (ou Mirian) deseja que Tod (ou Dodó) seja muito feliz na floresta, e se voluntaria para apresentar a floresta para Tod (ou Dodó). Enquanto Vixey (ou Mirian) apresentava a floresta a Tod (ou Dodó), era notório que ambos realmente estava apaixonados um pelo outro.

No começo da noite, Vixey (ou Mirian) e Tod (ou Dodó) tiveram mais um momento romântico, sob a luz do luar.

No dia seguinte, notamos que Tod (ou Dodó) agora vive com Vixey (ou Mirian) em sua toca. Ele está feliz, pois diz que teve uma noite maravilhosa. Vixey (ou Mirian) também está feliz e mais uma vez, trata Tod (ou Dodó) com carinho.

Em seguida, Tod (ou Dodó) e Vixey (ou Mirian) passeiam pela floresta. Porém, o momento de felicidade é interrompido pelo vingativo Samuel Guerra, que espalhou por toda a floresta, várias armadinhas a fim de capturar Tod (ou Dodó), e matá-lo. Tod (ou Dodó) escapa das armadinhas e é seguido por Toby e Samuel. Tod (ou Dodó) tenta proteger Vixey (ou Mirian) atacando Toby. A perseguição prossegue, mas é interrompida por um enorme urso que ataca Samuel e Toby. Tod (ou Dodó) percebe isso e sua lealdade a antiga amizade que tinha com Toby transparece quando Tod (ou Dodó) ataca o urso, fazendo com que ele caia em uma cachoeira.

Tod (ou Dodó) e o urso caem, mas o urso aparentemente morre. Tod deixa a agua mancando. Toby se aproxima dele e fica profundamente arrependido por ter perseguido ele, já que Tod (ou Dodó) havia salvado Toby e Samuel Guerra do ataque do urso. De repente, Samuel Guerra (também mancando) aponta a arma para Tod (ou Dodó). Mas Toby protege Tod (ou Dodó), fazendo com que Samuel Guerra desista de atuar, já que como dito anteriormente, Tod (ou Dodó) havia salvado Toby e Samuel do urso. Antes que Toby fosse embora, ele compartilhou um ultimo sorriso com o seu antigo amigo Tod (ou Dodó), indicando que a rivalidade havia terminado.

No fim do filme, observamos Tod (ou Dodó) em um penhasco, ao lado de Vixey (ou Mirian). Ambos observavam o antigo lugar onde Tod (ou Dodó) viveu feliz com a viúva em sua infância.

Mais um final feliz! 
Atenção, esse especial continua nesse link, com os outros 9 casais. Clique aqui e confira: Você se Lembra?>>Casais dos Desenhos Animados (Parte 13.2)

0 comentários :

Postar um comentário